2 de novembro de 2015

Viva, Irons!

Há exato cindo anos um dos maiores e melhores surfistas do mundo, Andy Irons, nos deixou. Ainda é difícil acreditar em sua morte. Viajou, mas nunca mais voltará. Muitas pessoas continuam chocadas e custam a acreditar na partida do tricampeão. Foi em busca da onda perfeita!
Foi justamente no dia dos mortos, dois de novembro de 2010, que o mundo perdia o havaiano Irons. O surfista morreu aos 32 anos, num quarto de hotel. Uns dizem que foi complicações cardíacas, outros overdose por drogas. Na ocasião, o fotógrafo Brian Bielmann, que ao longo de seus mais de 20 anos de profissão teve suas fotos em grandes publicações fez uma homenagem à seu amigo Andy Irons, e produziu um slideshow com fotos de vários momentos da vida dele.
Deixou viúva a mulher, Lyndie, que futuramente, oito meses após, daria a luz ao seu filho Axel Irons. Dezenas de homenagens foram oferecidas ao ídolo pelo mundo afora. Em Middles, Porto Rico, os altetas que disputaram o Rip Curl Pro realizaram uma cerimonia comovente. Em Portugal, a Billabong, patrocinadora de Irons, realizou um último tributo em Carcavelos. No Brasil Surf Pro, em Joaquina, os atletas fizeram suas homenagens, nas redes sociais e pelo mundo afora cada pessoa, ao seu modo, dedicou um tempo em memória de Irons (1978 a 2010).

Redação InnerSport

Nenhum comentário:

Postar um comentário