22 de outubro de 2015

SUP terá disputas acirradas na decisão do SP Contest

Empatados no topo do ranking com 1900 pontos, Fellipe Gaspar e Roger Marques prometem um duelo acirrado para definir o título do circuito Surf Trip SP Contest, que rola neste fim de semana (24 e 25/10), na praia de Maresias, em São Sebastião (SP). Invicto no circuito, Marques faturou a primeira etapa e foi vice na segunda, enquanto Gaspar ficou em segundo lugar, na prova de abertura em Ubatuba, e venceu nas ondas do Guarujá. “Espero pegar boas ondas e fazer meu surf. Há cerca de três meses comecei a surfar mais no litoral Norte, em picos como Maresias para treinar para esta decisão, pois geralmente surfo no Guarujá. Porém, fiquei os últimos 25 dias na Califórnia disputando o mundial e acabei de voltar”, explica Gaspar, de apenas 16 anos e nono colocado no evento realizado nos Estados Unidos. Em seu segundo ano de SP Contest, ele encara as provas como treinamento para competições internacionais, bem como o brasileiro da modalidade. "O nível está cada vez mais alto, com os competidores surfando muito bem. Meus principais adversários são o Roger Marques, no Sup, e Thiago Meneses, na Júnior”, analisa o surfista.
Roger Marques / Foto Munir El Hage
Defensor do título do circuito e também da etapa de Maresias, Marques tem treinado forte, tanto na água, quanto fora cuidando do condicionamento físico. Vou com tudo em busca do tricampeonato. Costumo surfar Maresias sempre que possível pois é uma onda diferente com muito power. Este ano o nível ficou ainda mais difícil, com disputas mais acirradas”, comenta ele, 11o colocado na etapa do Brasileiro realizada em Ubatuba. Restrito aos competidores da Grande São Paulo e capital, o circuito está em sua 14a edição e atualmente é considerado o melhor evento amador do país. Atual líder do ranking na categoria Open, Marcio “Binho” Seiji contabiliza uma vitória e um quinto lugar, com 1656 pontos. Vice na primeira e também quinto no Guarujá, o tricampeão antecipado Master, Pedro Oliveira está em segundo com 1556 pontos. Em terceiro aparece Lucas Dias com 1430 e em quarto Bruno Romano, acumulando 1330 pontos. “É um campeonato difícil, com vários atletas de destaque. Mas, vou com tudo para Maresias, na expectativa de rolar altas ondas e me dar bem mais uma vez”, afirma Dias.

Outra categoria que promete boas disputas é a Grand Master. Após ser vice em Ubatuba, Freddy Jacob recuperou-se no Guarujá e faturou a etapa, assumindo a ponta do ranking com 1900 pontos. Paulo Meneses segue na vice-liderança com 1810, bem como Luiz Aranha, também no páreo após conquistar o segundo lugar no Guarujá e somar 1429 pontos. Entre os longboarders, a briga está entre o veterano Paulo Giachetti, vencedor da segunda etapa e atual líder com 1900 pontos. Representando a nova geração na modalidade aparece Bruno Romano, quarto colocado no Guarujá e vice-campeão na primeira, com 1629 pontos. Logo atrás, Marcelo Franquini ocupa a terceira posição com 1260 pontos.  Na quarta posição no ranking estão empatados Zé Paulo e Fabio Amicci, com 1187 pontos. Yohanna Sarandini segue líder do ranking no Feminino, com Renata Mukai logo atrás e Luara Diamante em terceiro. No Guarujá (2a etapa) foram definidos os títulos Júnior com o tricampeonato de Thiago Meneses e Pedro Oliveira, na Master.

Passagem para El Salvador - Após definidos os campeões na praia, o pessoal sobe a serra para a capital, onde rola na próxima terça-feira (27/10) a entrega de toda premiação aos vencedores da etapa e ranking na Surf Trip Mega Store, de Moema. Os sete campeões do ranking participarão de um sorteio de uma passagem para El Salvador, prêmio disponibilizado pela agência de turismo Widex Travel.

Por Nancy Geringer

Nenhum comentário:

Postar um comentário