19 de outubro de 2015

SP Contest 2015 será decidido em Maresias

Os campeões do Surf Trip SP Contest 2015 serão revelados na praia de Maresias, em São Sebastião, nos próximos dias 24 e 25 de outubro, com a realização da terceira e última etapa do melhor circuito amador do país. As disputas prometem pegar fogo em um dos picos mais tradicionais do litoral paulista, conhecido pela excelente qualidade de ondas. Na segunda etapa, Lucas Dias foi o grande destaque e dominou as disputas nas categorias Open e Longboard. Os competidores contabilizam os dois melhores resultados e têm direito a um descarte. “A cada ano que passa, o nível técnico do circuito aumenta e a competição fica ainda mais disputada. Este é um dos fatores, aliado à excelente premiação, que garantiu ao Surf Trip SP Contest o status de melhor circuito amador do país. As etapas anteriores rolaram em boas ondas e esperamos aquele mar clássico em Maresias para terminar o ano em grande estilo”, comenta Dadá Nascimento, idealizador e organizador do circuito.
Maresias recebe a última etapa do SP Contest 2015 / Foto Munir El Rage
Márcio Seiji, eliminado na semi (no Guarujá) ainda lidera com 1656 pontos a Open. Vice na primeira e também quinto no Guarujá, Pedro Oliveira está em segundo com 1556. Em terceiro aparece Lucas Dias com 1430 e em quarto Bruno Romano, acumulando 1330 pontos. “É um campeonato difícil, com vários atletas de destaque. Mas, vou com tudo para Maresias, na expectativa de rolar altas ondas”, afirma Dias. Na Master, Pedro Oliveira foi imbatível e, com mais esta vitória, garantiu o tricampeonato do circuito na Master. Após ser vice em Ubatuba, Freddy Jacob recuperou-se no Guarujá e faturou a etapa, assumindo a ponta do ranking com 1900 pontos na Grand Master. Terceiro colocado na prova, Paulo Meneses vem de vitória e segue na vice-liderança com 1810. Luiz Aranha também está no páreo após conquistar o segundo lugar no domingo (1429 pontos). “Eu queria esse resultado e essa era minha prioridade, agora é ir para a próxima buscar mais este título”, comenta Jacob, defensor do título Grand Master e bicampeão Master.

Segundo colocado na prova no Guarujá, Paulo Giachetti manteve a liderança no longboard (1900 pontos). Agora, trava uma disputa com Bruno Romano, quarto colocado no Guarujá e vice-campeão na primeira, com 1629 pontos. Marcelo Franquini ocupa a terceira posição com 1260 pontos. Terceiro no Canto do Maluf, Léo Paioli é o sexto no ranking, junto com bicampeão do circuito, Alex Miranda, ambos com 1092 pontos. Na quarta posição no ranking estão empatados Zé Paulo e Fabio Amicci, com 1187 pontos. Mais uma vez, Thiago Meneses esteve invicto na Júnior, repetindo a performance arrasadora do ano passado e assegurou o tricampeonato antecipadamente. No Guarujá, abriu a disputa com um notão na casa dos 7 pontos e manteve o repertório variado de manobras. “Minha tática foi remar bastante, pois o mar está sem um pico definido e assim consegui encontrar boas ondas. Mesmo garantindo o título, vou para Maresias em busca de mais uma vitória para encerrar o circuito com chave-de-ouro”, afirma.

No stand up, a briga fica entre Fellipe Gaspar e Roger Marques. Porém, ao contrário do resultado na etapa de abertura, desta vez o jovem Gaspar (de 16 anos) levou a melhor, com Roger em segundo. Eles seguem empatados no primeiro lugar com 1900 pontos. Em terceiro ficou Alex Miranda e em quarto Paulo Giachetti. Os dois também ocupam a mesma posição no ranking, em terceiro, com 1539 pontos. Com uma virada em cima de Luna Rebello (2a), Yohanna Sarandini obteve a vitória e segue líder do ranking. Terceira colocada, Renata Mukai é a vice e Luara Diamante está em terceiro no ranking.

Por Nancy Geringer

Nenhum comentário:

Postar um comentário