6 de outubro de 2015

Novos investidores opoiam o universo do Surf

O universo do surf vem atraindo empresas que não tem tradição com o esporte, mas a modalidade por estar ligada ao universo saudável de vida é sempre uma boa pedida de investimento. Com essa visão, a Rede Mini Kalzone, decidiu apoiar oficialmente o Red Nose Pro 15 Florianópolis SC, a 32ª etapa do Circuito Mundial Qualifying Series (QS), que será disputada de 20 a 25 deste mês, na Praia do Santinho, em Florianópolis/SC. A empresa, hoje presente em 15 estados e com 78 unidades, tem no surf uma de suas estratégias de divulgação, colocando como seu garoto propaganda o top do WCT, Wiggolly Dantas, além do catarinense Luan Wood.
Wiggoly Dantas com os sócios da empresa João Batista e Murilo Naspolini / Foto Kirstin Sholtz-WSL
“Estamos completando 25 anos de história e esse será um grande evento para comemorarmos também. Nossa empresa sempre apoiou o esporte em geral e já tínhamos investido no surf em outras ocasiões, mas não de uma forma tão veemente, com surfistas profissionais. O fato de sermos uma empresa surgida em Floripa também influenciou”, conta Murilo Naspolini, 47 anos, um dos quatro sócios da Mini Kalzone.

Surfista, assim como outro sócio, Luciano Fadel, ele sempre quis unir a sua paixão pelo esporte ao sucesso de seus negócios. “Há tempos que pensamos estar presentes num campeonato de surf e conversando com o Fred (Leite, presidente da Fecasurf), surgiu a oportunidade de ingressarmos nesse grande evento”, comenta o empresário.  “Temos lojas do Rio Grande do Sul ao Maranhão e precisamos expor nossa marca em situações que deem visibilidade nacional. O Circuito Mundial é uma dessas vitrines”, argumenta Murilo sobre os patrocínios. “Estamos contentes com o patrocínio ao surf”, enfatiza.

Por Fábio Maradei



Nenhum comentário:

Postar um comentário