28 de setembro de 2015

Matheus e Mariana vencem o Powerman Brasil

A dupla de Santa Catarina, Matheus Ghiggi e Mariana Borges, foram os grandes campeões da primeira edição do Powerman, a maior série de duathlon do mundo, que ocorreu no último domingo, 27. Nem mesmo a forte chuva que caiu na capital catarinense foi capaz de impedir os atletas de se superarem nos 20km de corrida e 60km de ciclismo. O Powerman Kids, que aconteceu no sábado, foi um sucesso, e contou com quase 50 crianças, pais e familiares participaram da atividade, incentivando os jovens duoatletas.
Mariana Borges 
A primeira “perna” da prova aconteceu no trecho de 10km de corrida no Bairro de Jurerê Internacional, após os atletas largarem no Jurerê Sports Center. Em ritmo forte, os líderes passaram para a primeira parte da transição com uma boa disputa entre Matheus e Francisco Neto. Já entre as mulheres, Bruna Mahn e Nayara Luniére dominaram a etapa inicial de corrida, abrindo quase três minutos para Mariana Borges.

Saindo para o ciclismo, muitos achavam que a etapa seria um pouco mais demorada, devido à chuva, mas os atletas imprimiram um ritmo alucinante de prova que percorreu algumas das principais rodovias da capital. Mais uma vez Matheus e Francisco passaram pela segunda transição praticamente empatados para definir o campeão na última etapa. Ao contrário do equilíbrio na prova masculina, no Feminino Mariana Borges mostrou que tem um dos melhores pedais do país e tirou uma vantagem de quase quatro minutos abrindo mais de cinco de vantagem.
Matheus Ghiggi
Com boa folga para as concorrentes, a atleta de Floripa manteve a diferença fechando a prova em 3h00min49seg, conquistando o primeiro título do Powerman. “Foi muito bom ter corrido em casa e ter vencido ao lado dos familiares. Meu pedal foi muito bom e isso me deixou contente, pois fazia tempo que eu não encaixava ele tão bem”, disse Mariana. “Passei um período no Suíça e acho que reencontrei o meu melhor pedal lá nos alpes”, brincou a manezinha.

No Masculinino, Matheus Ghiggi ditou o ritmo na segunda etapa de corrida e abriu quase dois minutos no final da prova, deixando Francisco Neto em segundo. O atleta de Balneário Camboriú fechou os 80km em 2h40min34seg. “Esse é um grande resultado para mim. Treino lá em Balneário ao lado de excelentes atletas e consegui fazer o meu melhor aqui. A prova foi ótima e o nível de organização estava perfeito. Com certeza volto no próximo ano para tentar defender o título”, resumiu o campeão.
Além dos 20km de corrida e 60km de ciclismo, o Powerman Brasil contou com disputas na distância Short, desafiando os competidores em 10km de corrida (duas etapas de 5km cada) e mais de 20km de pedal. João Carlos Bernardes Neto completou o percurso em 1h09min51seg e comemorou o primeiro título de sua carreira em mais de dez anos de triathlon. Completando o domínio dos catarinenses na prova, Julia Romariz foi a grande campeã entre as mulheres. Vitoria Maciel terminou em segundo e Kesia de Souza a terceira.

Por Danilo Caboclo / Fotos Rafael Dalalana

Nenhum comentário:

Postar um comentário