19 de dezembro de 2014

Bruno Fontes avança na Medal Race em segundo

Na sexta-feira (19) o velejador Bruno Fontes retornou a Baía de Guanabara para o encerramento da fase de classificação da Copa Brasil de Vela. Como vem acontecendo durante a semana toda, Fontes teve um ótimo desempenho passando a Medal Race em segundo lugar. Para chegar a disputa de medalha, Bruno Fontes conquistou um 2º e 7º lugares nas duas regatas dessa sexta-feira. Com 31 pontos perdidos, Bruno está apenas sete atrás de Robert Scheidt, líder com 24 pontos perdidos. “Mais um dia de boas velejadas. A primeira parte está concluída e agora é a decisão. Será uma regata curta e para vencer é preciso arriscar. Vou fazer o que tenho feito durante toda a semana. Estou focado e decidido em buscar um grande resultado aqui”, disse Bruno Fontes.
As duas regatas que definiram os dez melhores que seguiram para a Medal Race aconteceram na raia do Pão de Açúcar com ventos médios. “A primeira regata do dia foi uma das mais disputadas da minha vida. Definimos no photo finish. A segunda eu consegui largar muito bem, mas no fim acabei perdendo um pouco de contato com os líderes”, disse. Neste sábado, apenas uma regata acontece e Bruno já tem a medalha de bronze garantida. No entanto, o desejo do velejador é ainda maior. “Amanhã (sábado) é ir para o tudo ou nada. Quero muito esse resultado e seja o que Deus quiser. Farei o meu melhor”, enfatiza Bruno, que precisa chegar quatro posições a frente de Robert.

A Medal Race tem pontuação dobrada e não pode ser descartada, sendo assim, Bruno precisa tirar os sete pontos. “Não será fácil, mas não posso pensar nisso agora. O primeiro passo é fazer uma boa regata e tentar vencer e depois ver o que acontece”, encerra.

Classificação após dez regatas e um descarte
1. Robert Scheidt (BRA) – 24 pp
2. Bruno Fontes (BRA) – 31 pp
3. Rutger Van Schaardenburg (HOL) – 36 pp
4. Jean Baptiste Bernaz (FRA) – 52 pp
5. Charlie Buckingham (EUA) – 55 pp
6. Elliot Hanson (GBR) – 59 pp
7. Christopher Barnard (EUA) – 72 pp
8. Francesco Marrai (ITA) – 76 pp
9. Lorenzo Chiavarini (GBR) – 79 pp
10. Gustavo Lima (POR) – 90 pp

Por Danilo Caboclo / Foto Fred Hoffmann/CBVela

Nenhum comentário:

Postar um comentário