7 de novembro de 2014

Rony focado na Copa Brasil de Skate Vertical

A chuva que caiu na zona norte de São Paulo no final da tarde de sábado (1) atrapalhou o fechamento da segunda etapa da Copa Brasil de Skate Vertical, que aconteceu dentro Circuito Banco do Brasil, no Campo de Marte. Com a suspensão da competição na primeira rodada (de três previstas) da bateria final, ficou valendo o resultado da primeira volta. Com isso, Rony Gomes terminou na 10ª colocação, depois de ter passado pelas eliminatórias com a quarta melhor nota. Agora o próximo desafio será neste sábado (8), na Praça da Apoteose, no Rio de janeiro, que terá transmissão ao vivo do Sportv 2 na bateria final, que está prevista para começar a partir das 15h30.
Foto Felipe Puerta
"Vou para o Rio de Janeiro e quero vencer a etapa lá. O título ficou muito difícil, mas eu ainda tenho chances e posso terminar o Circuito com duas vitórias em três etapas", disse Rony, que é o atual campeão do Circuito Banco do Brasil e líder do Campeonato Brasileiro de Skate Vertical. Com o resultado, o skatista paulista soma 1630 pontos e ocupa a quinta colocação no ranking. Quem lidera a competição é o paulista Leo Ruiz, que venceu em São Paulo e utilizou a estrutura do paulista em Atibaia (SP) na preparação para o Circuito. Completaram o pódio, Ítalo Penarrúbia e Felipe ‘Foguinho’. "Eu tinha dito que me sentiria um pouco vencedor se algum dos caras que treinaram na minha rampa ficassem com a vitória. No final das contas, os três estiveram comigo em Atibaia nessa semana e eu fico orgulhoso de treinar com eles", comemorou Rony.

Em São Paulo, na bateria final, Rony arriscou sua linha forte na primeira volta, mas não completou todas as paredes. Na segunda volta o paulista acertou mais manobras, mas também não concluiu a apresentação. A partir desse momento a chuva começou e a bateria foi suspensa. Para o skatista o que ficou foi um sentimento misto entre alívio e tristeza. "Fico triste por ter terminado a etapa por causa da chuva, mas a cidade de São Paulo estava precisando disso. Infelizmente a competição foi prejudicada, a CBSk decidiu usar a primeira volta da bateria final como resultado e como arrisquei na primeira volta, terminei mal colocado", avaliou o skatista de 22 anos.

Por Fernanda Gonçalves

Nenhum comentário:

Postar um comentário