11 de agosto de 2014

Xtreme Race Arujá atinge as expectativa dos participantes

A quinta edição da Xtreme Race foi realizada no Instituto Perfect Liberty em Arujá (SP) na manhã do último sábado (9) e reuniu mais de 400 atletas amadores e profissionais. Com 16 obstáculos em um percurso inovador de 8km, a maior corrida de obstáculos foi elogiada pelos corredores. Com a experiência de quem já correu a São Silvestre e maratonas, João Barbosa, de 65 anos, mostrou disposição ao superar todos os desafios da Xtreme Race.
“Valeu o desafio, foi a prova mais divertida que já participei em toda minha vida. Consegui passar por todos os obstáculos e pretendo participar de outras edições”, comentou o atleta de Arujá. Enquanto uma parte dos atletas procurava superar seus limites, outros competidores buscavam a vitória nas categorias feminina e masculina nos variados desafios, que envolveram água, terra, pneus, barras e cordas.

Entre as mulheres, Renata Carvalho de Oliveira da equipe Cross Fit 79 foi a grande vencedora com 46 minutos e 29 segundos, seguida por Irene Aparecida Silva que concluiu o percurso três segundos depois. O terceiro lugar foi ocupado por Suéli Costa, que cruzou a linha de chegada aos 47 minutos e 10 segundos. “Foi minha primeira Xtreme Race e cheguei sem saber exatamente o que encontraria. Achei bastante cansativa por estimular toda a musculatura do corpo mas gostei bastante”, afirmou a campeã.
Jotta Junior Pereira foi o mais rápido entre os homens e conquistou sua primeira vitória ao concluir a prova em 36 minutos e 17 segundos. O atleta Andre Pizzinato ficou em segundo lugar ao encerrar o percurso em 36 minutos e 29 segundos, seguido por Valfrido Ezequiel, que finalizou em 37 minutos e 23 segundos. “Estava determinado a ganhar. Já havia participado da edição em Suzano e achei esse percurso ainda mais interessante e melhor distribuído. Tive que raciocinar rápido para superar todos os obstáculos”, disse o campeão, que pretende bater todos os recordes na próxima edição da Xtreme Race.

O representante da Perfect Liberty, Robert Takanami, já havia participado da Xtreme Race em Atibaia em 2013 e mais uma vez aprovou o resultado. “Foi intenso, principalmente no final, e os desafios foram muito inovadores. Recomendo a todos”, afirmou. Ele também comemorou a doação de aproximadamente 100 kg de alimentos que serão destinados à Casa São José, em Arujá.

Por Michele Barcena / Fotos divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário