13 de agosto de 2014

Hizunomê Bettero está de olho no tri

Com a chance de ser o terceiro surfista em 31 anos de Circuito a chegar ao terceiro título estadual, Hizunomê Bettero quer garantir uma boa atuação na 2ª etapa do Maresia Paulista de Surf Profissional, no sábado e domingo (16 e 17), na Praia de Maresias, em São Sebastião. O competidor de Ubatuba ocupa a sétimo colocação no ranking e sabe que precisa de um resultado positivo para chegar com chances do tricampeonato na disputa decisiva, “em casa”.
Bicampeão em 2005 e 2001, Hizunomê pode igualar-se ao santista Jair de Oliveira, que faturou os títulos em 1994, 97 e 98. Acima dele, só Almir Salazar, também de Santos, tetracampeão na década de 80. “Isso me motiva muito. A expectativa é boa, pois as duas próximas etapas são em picos que gosto muito”, afirma o atleta de 28 anos, que na etapa inicial, além de chegar até a semifinal, faturou a Overboard Expression Session, com a manobra mais radical.

Hizu tem motivos de sobra para pensar numa arrancada em Maresias. “Gosto muito daquela onda, já consegui bons resultados lá e, se Deus quiser, dessa vez não será diferente”, destaca lembrando a relação da praia nas duas conquistas estaduais. “Foram dois momentos bem diferentes, mas que me levaram aos meus títulos, No primeiro, fui segundo na etapa para ser campeão. E no bicampeonato, perdi no segundo round e dependia de resultados de muitas pessoas. Entreguei na mão de Deus e meu amigo David do Carmo ganhou a etapa e ajudou a erguer a taça”, lembra.

Junto ao título paulista, Hizu não esquece do Brasileiro e sabe que um está ligado ao outro. “Com a vitória, ganho pontos automaticamente”, comenta o surfista, também não deixando de lado o Circuito Mundial. “Estou participando das etapas Prime e meu patrocinador, a Zangs, está me dando uma grande força, mas estou em busca de copatrocinadores para participar de mais eventos e investir em surf trips”, revela o atleta.

Vale lembrar que além de Hizunomê Bettero só outros três surfistas hoje têm condições de alcançar o tri: Renato Galvão e Odirlei Coutinho, também de Ubatuba, e Ricardo Ferreira, de Praia Grande. Coincidentemente, os últimos dez títulos estaduais foram comemorados por surfistas dessas duas cidades, seis ubatubenses e quatro praiagrandenses.

A competição começa sábado às 8 horas e terá transmissão ao vivo pela internet, pelo site da Maresia, no link www.maresia.com.br/paulistapro2014/page/ao-vivo. O vencedor da etapa fatura R$ 8 mil e 1.500 pontos no ranking Abrasp. A etapa distribuirá R$ 30 mil aos melhores colocados, além de mais R$ 1 mil da Overboard Expression Session, disputada no domingo, antes da final.

Campeões paulistas
2013 – Odirlei Coutinho/Ubatuba (campeão do Circuito: Bruno Galini/BA)
2012 – Ricardo Ferreira/Praia Grande
2011 – Hizunomê Bettero/Ubatuba
2010 – Matheus Toledo/Ubatuba
2009 – Ricardo Ferreira/Praia Grande
2008 – Saulo Júnior/Ubatuba
2007 – Renato Galvão/Ubatuba
2006 – Bruno Moreira/Praia Grande
2005 – Hizunomê Bettero/Ubatuba
2004 – Beto Fernandes/Praia Grande (campeão do Circuito: Simão Romão/RJ)
2003 – Odirlei Coutinho/Ubatuba
2002 – Renato Galvão/Ubatuba
2000 – Maicon Rosa/Guarujá
1999 – Tadeu Pereira/Ubatuba
1998 – Jair de Oliveira/Santos
1997 – Jair de Oliveira/Santos
1996 – Tinguinha Lima/Guarujá (Campeão do Circuito: Joca Júnior/RN)
1995 – Narciso Oliveira/Ubatuba
1994 – Jair de Oliveira/Santos
1993 – Jojó de Olivença/Guarujá
1992 – Tinguinha Lima/Guarujá
1991 – Renan Rocha/São Paulo
1990 – Douglas Lima/Santos
1989 – Picuruta Salazar/Santos
1988 – Amaro Matos/Guarujá
1987 – Almir Salazar/Santos
1986 – Almir Salazar/Santos
1985/84 – Paulo Rabelo/Guarujá
1983/82 – Almir Salazar/Santos
1981/80 – Almir Salazar/Santos

Por Fábio Maradei / Foto Silvia Winik

Nenhum comentário:

Postar um comentário