28 de abril de 2013

Minas recebe o Mundial de Wakeoard

Entre os dias 3 e 5 de maio, a cidade de Nova Lima, localizada na Região Metropolitana de Belo Horizonte, se transforma na capital internacional do Wakeboard. Pelo quinto ano consecutivo, a etapa Brasil do Campeonato Mundial de Wakeboard acontece na Lagoa dos Ingleses, com uma programação variada que reúne esporte radical e entretenimento. Nomes como Brian Grubb e Aaron Rathy já estão confirmados nas fases classificatórias e se preparam para mais um desafio rumo à maior premiação da categoria.
Bruno Senna / Foto divulgação
Se há um tempo era inimaginável uma competição de Wakeboard em águas mineiras, hoje a realidade é outra. O cenário inspirador e as boas condições técnicas da Lagoa dos Ingleses fazem de Minas Gerais uma das sedes preferidas dos competidores do Campeonato Mundial. “Os atletas internacionais sempre comentam que esta é a sede mais bonita da competição. As montanhas, a programação do evento e o público tornam o clima descontraído e especial”, afirma Mario Manzolli “Marito”, Tetra-Campeão Nacional e Presidente da Associação Brasileira de Wakeboard (ABW).

Para o mineiro Bruno Dib, realizador do evento, Minas Gerais foi uma grata surpresa no cenário dos esportes aquáticos, deixando para trás na disputa para sediar a etapa brasileira cidades como Rio de Janeiro e Brasília. “Graças a uma sólida parceria com a Prefeitura Municipal de Nova Lima, a ABW e a Wakeboard World Association (WWA), conseguimos chegar ao quinto ano consecutivo de realização do Campeonato com força total, atraindo atletas e turistas de todas as regiões do país e do mundo”, conta.

Nesta edição, o Campeonato Mundial de Wakeboard terá cerca de 25 atletas batalhando pelo lugar mais alto do pódio. Entre os profissionais mais aguardados para o evento está o atual campeão do Mundial Phillip Soven, que nos últimos dois anos venceu a etapa Brasil, em Nova Lima. Paralelo ao mundial, acontece o circuito brasileiro de Wakeboard, com 4 categorias: Intermediário, com atletas que já participaram de campeonatos e executam consistentemente manobras; Avançado e Feminino, para esportistas que executam algumas manobras em sua passada, e têm experiência em obstáculos e Open, para atletas que estão acima do Avançado, mas ainda não atingiram o nível da profissional. A expectativa da organização é que cerca de 8 mil pessoas acompanhem a etapa nacional, nos três dias de evento.

Noites badaladas
O evento que atrai fãs da modalidade de todo país também se diferencia pela programação variada dos três dias de competição. “Minas Gerais é reconhecida internacionalmente por suas opções de entretenimento e pela receptividade de seu povo. Por isso, agregamos à programação do Campeonato duas das principais festas da capital - Camarim e Why So Serious? – que são opções a mais de lazer para o público e para os competidores”, explica Dib, destacando que todos os espectadores da competição terão acesso às festas.

No sábado, dia 3, os amantes do Wakeboard se encontrarão na edição especial da Festa Camarim. Conhecida por promover uma verdadeira disputa na venda de ingressos e reunir um público seleto, a festa contará com o line up dos DJs David Zaidan, que comanda as pick-ups da festa Alta Fidelidade, Sininho e Michel Lara, além da Banda Classic. A edição temática da balada preferida dos mineiros será movida por ritmos variados que prometem não deixar ninguém parado.

Para encerrar com chave de ouro a etapa Brasil do Campeonato Mundial, no dia 4, a festa Why So Serious? da naSala se integra a estrutura do evento e apresenta o que há de melhor na noite belorizontina. Com estrutura e público de alto nível, a balada terá shows de Gustavo Maguá e dos Djs Breno Rocha, Guido Santana, Vinícius Amaral (naSala), Tartaruga (Festa Missa-RJ) e Vitor Sobrinho (Festa Push!).

Por Déborah Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário