.

.

31 de outubro de 2012

Rocky Man terá canoagem

Esporte como nunca se viu! Corridas de rua e de trilha, mountain bike, stand up paddle, canoa polinésia, parapente e surfe. Assim será o Rocky Man, que vai parar, ou melhor, vai agitar o Rio de Janeiro no dia 3 de novembro. São sete modalidades que exigem a dureza de uma rocha, seja no ar, na terra ou na água. E a água é o cenário da prova que os competidores e especialistas afirmam será a mais decisiva de todas: a canoa polinésia, prova que será realizada por todos os 4 atletas da equipe.
Equipe SOS (2007) / Foto Ivan Storti
Foi com o pensamento na relevância do trecho de canoagem que a Canoar SOS Mata Atlântica montou não somente sua tática, mas também sua equipe, que conta com quatro atletas, o leme, apenas para a prova de canoa havaina, e um capitão, que não compete, mas é o responsável por traçar a estratégia do time. Capitão da Canoar SOS Mata Atlântica, que tem a maior parte de seus atletas em Santos (SP), José Pupo conta como formou seu time. "A Canoar é especializada em água e não poderíamos priorizar uma etapa diferente do que a canoa polinésia, que, para nós, será a mais importante do Rocky Man. Assim, chamamos o Fábio Paiva, um dos mais experientes canoístas do Brasil, e resgatamos uma incrível atleta da canoagem oceânica brasileira, a Carmem Silva. Estes dois são muito experientes e serão os responsáveis por comandar a equipe na água", disse o capitão da equipe, que também conta com Ronaldo Santos, Fred Monteiro e Thiago Baraçal.

As palavras de José Pupo são bem modestas quando ele diz que Fábio Paiva é "um dos mais experientes canoístas do Brasil". Na realidade, Fábio Paiva é um dos principais nomes da história da canoagem nacional. Não só pelos incontáveis títulos em canoagem olímpica, canoagem oceânica, rafting e canoa polinésia, mas, principalmente, por seu destacado trabalho em divulgar e popularizar o esporte pelo país. "Hoje em dia estou focado na formação de núcleos e de atletas, além de provas de travessia, e sempre que aparece uma oportunidade de participar de um evento diferente, caso do Rocky Man, eu estou dentro", disse Fábio Paiva, que reinou invicto por 15 anos em campeonatos brasileiros de canoagem. "Em termos de cenário, não há nada igual a uma competição de canoa no Rio de Janeiro, com o Pão de Açúcar, a Urca...", completou o leme da equipe Canoar no Rocky Man.

Com um currículo de deixar qualquer um boquiaberto, afinal são nada menos do que 17 títulos brasileiros de canoagem oceânica, Carmem Silva também colocará sua brilhante capacidade como canoísta, além de sua experiência de seis anos como corredora de aventura, em prol da equipe Canoar. "Espero poder colocar em ação a experiência que adquiri ao longo do tempo e dar tudo o que puder de mim. Quero contribuir e somar com a força e o talento individual dos meus parceiros para conseguirmos funcionar como uma equipe. Temos que nos divertir sem tirar o foco da competição", contou a natural de Angra dos Reis (RJ).

O percurso da etapa de canoa polinésia será o penúltimo do Rocky Man e terá 15 km de distância, com início na Praia de São Conrado e término na Praia Vermelha. Antes dele serão disputados o surf (Praia do Arpoador), 38 km de mountain bike, 4 km de stand up paddle (Lagoa Rodrigo de Freitas), 30 km de trail running e voo de parapente, decolando da rampa da Pedra Bonita e aterrissando na Praia de São Conrado. A última etapa será uma corrida de 6 km, com largada na Praia Vermelha e chegada no Arpoador. No total, a competição terá cerca de 100 km.

O Rocky Man contará com a participação de 15 equipes nacionais: Quasar Lontra (SP), Brasília  Multisports (DF), Sulbrasilis (SC), Núcleo Aventura (SP), Ecomotion (SP), Start (RJ), Selva (SP), SOS Mata Atlântica / Canoar (SP), Alexandre Ribeiro (RJ), XTerra (RJ), IRONMAN (SP), 4ANY1 (SP), Brou Aventuras (MG), ABRAME Ceará (CE) e Gantuá Millennium (BA). A prova terá ainda a presença de 5 times estrangeiros: Meridiano Raid Espanha (ESP), Nova Zelândia, Estados Unidos, TREK Uruguai (URU), Argentina XK Race (ARG). Todas elas estarão na briga pela premiação total  (com prêmios individuais e por etapas) de U$ 30 mil.

Por Rafael Abreu

Noite de vernissage de surf em Vitória

No último dia 24 de outubro foi realizado o coquetel de abertura da exposição ‘’SUP ou SURF, qual a sua onda? ‘’ que contou com o apoio da Supflex, marca de pranchas de Stand Up Paddle inflável, no restaurante Don Camaleone em Vitória.
Na vernissage marcaram presença nomes importantes como: Renato Larica (Presidente da Federação de Surf e shaper), Luciano Gualtieri (destaque do SUP Nacional), Hostílio "General", Gustavo Grilo (pioneiro do esporte no ES) e os surfistas Kaleb e Kristiely Kymerson, além de vários outros nomes do surf e SUP capixaba.
A mostra conta com a exibição de vídeos e fotos sobre a história e evolução do esporte. Quem participou do evento pôde conferir também o lançamento de algumas pranchas incluindo a Supflex, que estará disponível para venda durante todo período da exposição.

Por Daniela Vinci / Fotos Pepê Silva

Branquelo carimba passaporte para a Indonésia

No sábado (26.10) tiveram boas e potentes ondas de 1,5m próximas ao Costão, que exigiram muito preparo físico dos atletas. Nesse primeiro dia aconteceram as fases classificatórias da Pro-Am, Open Interno, Master e Senior. Domingo o mar perdeu intensidade e apresentou ondas em torno de 1,0m. Entraram na água a Junior e Feminino, além das finais de todas as categorias.
Pódio Pro AM
Um dos destaques do evento foi o carioca Alexandre Almeida. O ex-surfista profissional depois de mais de uma década voltou a participar de um campeonato da ASN. Dadazinho registrou a única nota 10 unânime de toda competição na final da Senior, faturando a etapa. Ele também chegou ao lugar mais alto do pódio na Master, conseguindo a virada em cima do Milton Morbeck nos instantes finais da bateria, e voltou para casa com duas pranchas zeradas e muitas roupas e acessórios oferecidas na premiação.

Outro que fez bonito foi o ex-integrante da elite do surf mundial, Guilherme Herdy. "Branquelo", como é conhecido suou para avançar em sua estreia. Mas com alguns tubos, fortes manobras e experiência de quem conhece o pico como poucos, chegou até a final e confirmou seu favoritismo, se sagrando campeão invicto do ranking da categoria Pro-Am. Com isso ele faturou a tão sonhada passagem para a Indonésia, oferecida pela Qatar Airways e AIT Surf Operadora de Turismo.
Guilherme Herdy encaixado em Itacoatiara
A primeira decisão a entrar na água foi a da categoria Feminino. Rayza Silveira demonstrou superioridade e ganhou mais um campeonato em Niterói. Venceu a etapa e com 2000 pontos se sagrou pentacampeã niteroiense. Mariana Alonso, que dividia os treinos com a preparação de sua tese de doutorado em biologia, foi quem chegou mais perto e terminou em segundo. Roberta Souza optou em cair mais para o meio da praia, escolhendo as direitas, e foi a terceira, com Raquel Heckert na quarta colocação.

A categoria Junior não contou com a presença do líder do ranking, o carioca Dávio Figueiredo. Mesmo assim ninguém conseguiu atingir a sua pontuação, e ele foi o campeão do circuito. Heitor Ahrends não avançou para a final mas com o quinto na etapa terminou em segundo, e como melhor niteroiense até 18 anos em 2012. Na decisão da etapa o niteroiense Matheus Rodrigues escolheu as ondas da série, manobrou com pressão, e garantiu o título da etapa, desbancando os três visitantes. O saquaremense Lucas Chumbinho acertou um aéreo e arriscou bastante em busca da segunda boa nota, e ficou com o vice. O local do Arpoador Rômulo do Patrocínio foi o terceiro e João Vitor Chumbinho, de apenas 12 anos e irmão do Lucas, o quarto.
Podio Pro
A bateria final da Senior registrou a única nota 10 da competição. O carioca Alexandre Almeida “Dadazinho” escolheu uma onda no canto da pedra do Costão, se encaixou em um belo tubo e manobrou até o final, aproveitando todo potencial proporcionado pela onda. Erik Knappe optou pelas direitas e encontrou dois tubos, garantindo o segundo posto. Beg Rosemberg abriu a decisão com boas notas e era o único finalista ainda vivo pela disputa por uma das três passagens para o Peru, oferecidas pela Taca Air Lines e AIT Surf Operadora de Turismo. Ele precisava do vice, mas foi passado pelo Erik nos instantes finais. Com isso Luiz Oberlander foi o campeão do ranking com 1861 pontos. O catarinense Junior Silveira completou a decisão da etapa em quarto.

A categoria Master também valeu pontos para o circuito estadual e contou com a presença de muitos surfistas de fora. Alexandre Almeida permaneceu na água e conseguiu sua segunda vitória no dia com uma virada no final da decisão em cima do Milton Morbeck. Com o segundo, Miltinho assumiu a liderança do ranking estadual. Junior Silveira desta vez foi o terceiro, e o niteroiense Marcílio Marques, recém chegado da Indonésia, fechou sua participação no quarto lugar. Na disputa pelo circuito, o big rider Rafael Curi parou na semi-final, e com a quinta colocação conseguiu 2656 pontos, e faturou uma passagem aérea para o Peru.
Floriano Pinheiro
Na decisão da Open Interno, destinada para os locais de Itacoatiara, Pedro Todaro e Floriano Pinheiro precisavam vencer para ganhar a passagem para o Peru. Mas terminaram respectivamente em terceiro e quarto. Quem torceu da areia foi o competitivo Rafael Mignani, que com os 2466 pontos conquistados foi o campeão do circuito. Marco Antônio “Cofrinho” liderou grande parte da bateria, mas foi ultrapassado por Thiago Villar, que conseguiu a virada na última onda, e conquistou uma vitória inédita nesta categoria.

Na final da Pro-Am, Guilherme Herdy manobrou com força e dominou as ações contra a nova geração. Com a vitória na etapa, conquistou o título do circuito de forma invicta, carimbando seu passaporte para a Indonésia. Lucas Chumbinho de apenas 17 anos mais uma vez arriscou bastante, e garantiu a segunda colocação. O trigêmeo Bruno Borges representou a família na decisão, ficando em terceiro, e Rômulo do Patrocínio, que ainda compete na Junior, foi o quarto.
Bernardo Borges
Com o encerramento da terceira etapa no domingo de sol em Itacoatiara, a Associação de Surf de Niterói concluiu seu circuito principal premiando os atletas com uma passagem para a Indonésia, três para o Peru, além de uma das mais fartas premiações entre eventos amadores no Brasil.

Por João José Macedo / Fotos Pedro Todaro e Kim Carlos

30 de outubro de 2012

ASVS define data da eleição para nova Diretoria

Com a presença de alguns interessados na disputa eleitoral, a Associação São Vicente de Surf promoveu no último sábado (27/10), na sede da entidade, a Assembleia Geral Extraordinária que definiu a data da eleição para a escolha da nova diretoria e do conselho fiscal para o biênio 2013/14, em pleito eletivo a ser realizado no dia 27/11, com data prevista para inscrição das chapas no dia 19/11.
Foto divulgação
Na ocasião, foi confirmado que somente os sócios fundadores e os sócios contribuintes com dois anos de filiação poderão concorrer ao cargo de Diretoria ou Conselho Fiscal. Entretanto, conforme reza o artigo 9° do estatuto, qualquer associado em dia com o pagamento das mensalidades poderá votar nas chapas inscritas, independentemente do prazo de dois anos disposto no parágrafo primeiro deste artigo, pois este prazo é somente para quem quer concorrer a cargo diretivo.

Com esta reunião, o presidente da ASVS, Daniks Fischer, faz questão de ressaltar que o devido processo legal está sendo formalizado, trazendo legitimidade ao feito e, lembra ainda, que indiferentemente de ter apenas uma chapa inscrita, o estatuto deve ser seguido à risca sempre, sendo a disparidade de ideias e propostas administrativas à entidade primordial para o desenvolvimento do surf municipal.

Por ASVS Comunicação



Atletas vão até o Salão do Automóvel de São Paulo

A Mormaii em parceria com a Suzuki, apresentou um novo automóvel que irá atender as necessidades de muitos adoradores e praticantes de esportes radicais. É o novo SX4 Mormaii 2013 e os atletas Digiácomo Dias (sandboard), Marcos Gabriel (skate), Marco Giorgi (surf), Guilherme Tripa (surf) e Alessander Lenzi (jet ski) foram até o 27º Salão Internacional do Automóvel de São Paulo 2012, para prestigiar o lançamento. As novidades no modelo 2013 estão no design da grade frontal, para-choque dianteiro, desenho das rodas aro 16’’ e o Cruise Control, piloto automático que passa a acompanhar os modelos com transmissão automática.
Foto Ale Socci - Green Pixel
O skatista Marcos Gabriel tem um e comenta sobre a tração do carro, "Moro no Norte da Ilha de Florianópolis (SC) e nessa região são muitas ruas de areia. A tração 4x4 é essencial para andar com mais segurança e estabilidade. Não há comparação".

Além disso, todas as versões podem vir com ducha pressurizada embutida com reservatório de 18 litros. "A ducha é muito prática para todos os surfistas. Utilizo para tirar a areia do corpo e limpar a prancha depois de pegar ondas. Também gosto do banco de couro, pois posso entrar molhado e não estrago o banco", destaca o surfista Guilherme Tripa que também tem um.

Luiz Rosenfeld, presidente da Suzuki Veículos do Brasil, ressalta a parceria com Mormaii e os valores em comum entre as marcas. "Somos parceiros desde 2010, hoje as pessoas já procuram pelo Suzuki Mormaii, e esse retorno vem crescendo a cada dia e se consolidando ao longo do tempo. Acredito que o sucesso se deve aos valores que as marcas possuem em comum, espírito jovem, descontraído e alegre".
Foto Ale Socci
Dr. Morongo, presidente e fundador da Mormaii declara que está muito feliz com a parceria de sucesso. "Quando nos unimos para idealizar o Suzuki Mormaii pensamos em um veículo para atender aqueles que procuram um carro leve, mas muito valente, econômico, mas confortável . A suspensão elevada super eficiente, a ducha e a tração 4X4 fazem do Mormaii SX4 um carro único no mercado".

Por Daniela Vinci

Deco vence a 4ª etapa do Brasileiro de Wakeboard

A 4ª etapa do Campeonato Brasileiro de Wakeboard aumentou ainda mais a disputa pelo título nacional.  Em Campo Grande, MS, o atleta Luciano Rondi “Deco” conquistou o primeiro lugar, seguido por Marcelo Giardi “Marreco” e Eduardo Martins “Jovem”.
A competição deixou uma grande expectativa para a final que será realizada em Fortaleza, CE, nos dias 17 e 18 de novembro. Para garantir o troféu de campeão brasileiro, Deco ou Marreco precisam vencer a próxima etapa.

Além dos atletas Pro, destaque também para a categoria Avançado que pela primeira vez integrou homens e mulheres. Gabriela Rondi ficou com o lugar mais alto do pódio, seguida por Marcelo Coutinho e Eduardo Miranda. A etapa foi disputada pelas categorias Pro, Avançado, Open, Feminino Amador, Intermediário e Iniciante.

Resultados:
Categoria Pro
1º Luciano Rondi “Deco”
2º Marcelo Giardi “Marreco”
3º Eduardo Martins “Jovem”
Categoria Avançado
1º Gabriela Rondi
2º Marcelo Coutinho
3º Eduardo Miranda
Categoria Open
1º Victor Cordeiro
2º Antonio Rodrigues
3º Fábio Queiroz
Categoria Feminino Amador
1º Thaís Amorim
2º Daniele “Chuchu”
3º Raquel Nishimoto
Categoria Intermediário
1º Alcídio Balbo
2º Alexandre Bortelli
3º Marcelo Savioli
Categoria Iniciante
1º Diego Moia
2º Thiago Nogueira
3º Rafael Lima

Por Alline Juscelino / Foto divulgação

Gustavo Fernandes, campeão do surfe carioca

Apesar das inúmeras tentativas tornou-se inviável a realização de mais uma etapa válida pelo Circuito Estadual de Surf Profissional do Estado do Rio de Janeiro em 2012. Havia um projeto que foi entregue a algumas prefeituras do estado, mas sem sucesso.
Gustavo é sagra-se campeão do Circuito Estadual de Surf Profissional do Estado do Rio de Janeiro em 2012
Assim, o campeão estadual de surfe profissional 2012 ficou definido através do somatório das etapas realizadas em Grussaí (São João da Barra), em Barra do Furado (Quissamã) e na Praia do Pecado (Macaé).

Foi, então, declarado campeão o atleta Gustavo Fernandes – na verdade três vezes campeão – 2007, 2008 e 2012. O vice-campeão dessa temporada foi o atleta Leandro Bastos, seguido de Simão Romão e Jorge Spanner, o quarto classificado, conforme ranking em anexo. Jorge Spanner terminou empatado com Victor Ribas, mas no critério de desempate – somando-se os dois melhores resultados – Spanner tem mais 80 pontos que Victor.

Por Simone Fernandes

29 de outubro de 2012

Vídeo: final do Paulista de Surf Pro 2012

Circuito organizado pela Federação Paulista de Surf (FPS) terminou no último domingo (27.10), no Guarujá, e consagrou Ricardo Ferreira o melhor surfista de São Paulo pela segunda vez na história
No vídeo, é possível conferir a atuação de alguns dos principais surfistas do País, entre outros atletas profissional de São Paulo nesta temporada de 2012.

Por Roberto Pierantoni

Tubarão branco mata surfista na California

Na terça-feira 23 outubro de 2012 Francisco Javier Solorio Jr., 39 anos, enquanto surfava com um amigo próximo à praia localizada na base aérea de Vandenberg, Lompoc, Califórnia, foi atacado por um tubarão branco que o tirou a vida.
A publicação “ataques de tubarão do século XX” autenticou 108 ataques de tubarão não provocados da costa do Pacífico entre 1900 e 1999. O grande tubarão branco, Carcharodon carcharias, foi implicado em 94 (87%) dos 108 ataques confirmados, com uma média anual entre 1950-1999 de pouco mais de dois ataques de tubarão por ano. Houve 71 ataques de tubarão não provocados confirmados desde 2000, que inclui cinco mortos e sete incidentes até agora no ano de 2012. Isso é três vezes a média anual do século XX de 2 ataques por ano.

O grande tubarão branco ou foi positivamente identificado ou altamente suspeito em 62 (87%) dos 71 ataques, com 34 (48%) dos 71 que ocorreram durante o período de três meses de Agosto (10), setembro (9) e outubro ( 15). Houve 179 ataques de tubarão não provocados autenticados relatados da costa do Pacífico da América do Norte de 1900 a 24 de outubro de 2012. O grande tubarão branco foi positivamente identificado ou altamente suspeito em 156 (87%) dos 179 casos. Havia oito ataques de tubarão fatais confirmadas durante o século 20 com 5 ataques fatais relatados 2000-2011. Os 13 ataques fatais representam 7% dos 179 casos no total.
Prancha de Francisco Javier Solorio, mordida por tubarão / Foto delegacia de Sta Barbara
A atividade da vítima dos ataques de tubarão dos 71 relatados desde 2000 estão distribuídas nos seguintes grupos de usuários do oceano: surfistas 48 (68%) dos ataques documentados, com cinco nadadores (8%), 7 caiaque (10%), 4 mergulhadores (6% ), quatro com pranchas de remada (6%), 1 windsurfista (1%), e um body boarder (1%).

Informações adicionais em relação ao Comitê de Pesquisa de Tubarão, programas de pesquisa, conservação e educação estão disponíveis em: www.sharkresearchcommittee.com.

Fonte Necton

Circuito de Inline 2012 confirmado para novembro

Está "fechado" para o mês de novembro duas etapas do Circuito CBER de Patins Inline 2012. Nos dias 10 e 11/11, a entidade realizará na cidade de Indaiatuba (SP) a 1ª etapa do Circuito. Já nos dias 24 e 25/11 será vez da cidade de Santos (SP) receber a 2ª etapa.
A pista que irá receber a etapa de Indaiatuba será a do Parque Ecológico da cidade, que no mês de novembro completa um ano de sua reinauguração. A cidade fica localizada a 90 km de São Paulo, na região Metropolitana de Campinas, tendo como principal via de acesso a Rodovia Santos Dumont (SP-075).

Já a etapa de Santos acontecerá na também moderna pista do Parque Roberto Mario Santini, localizada sobre o Emissário Submarino, no Canal 1, que também foi reformada no ano de 2011. O município fica a pouco mais de 70 km da capital do estado, contando com a maior população entre as cidades da Baixada Santista: mais de 400 mil habitantes. O principal acesso à cidade é feito pela Rodovia Anchieta.

Assim como na última etapa do Circuito CBER da temporada de 2011, em ambas as etapas três categorias serão realizadas: profissional, amador e feminino. Em breve, mais informações serão divulgadas sobre as duas competições. Maiores detalhes serão decididos juntos à comissão de atletas do inline (programação, formato da competição e premiação).
O Circuito CBER de Inline tem a organização da CBER (Confederação Brasileira de Esportes Radicais) e conta com o apoio da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo, além das prefeituras das cidades de Indaiatuba (SP) e Santos (SP).

Serviço:
1ª etapa do Circuito CBER de Inline
Data: 10 e 11/11
Local: Parque Ecológico - Indaiatuba
Endereço: Av Fábio Ferraz Bicudo, 1, Jardim Pau Preto.

2ª etapa do Circuito CBER de Inline
Data: 24 e 25/11
Local: Emissário Submarino - Santos
Endereço: Av. Presidente Wilson, em frente ao nº 169

Fonte CBER / Fotos divulgação

Bufacchi na lista dos favoritos

Federico Bufacchi, da Itália, é um dos favoritos para vencer a quarta e última etapa do 14º Jet Waves World Championship (campeonato de manobras com jet ski nas ondas). A competição, que será realizada de 2 a 4 de novembro, na praia Norte, no Balneário Piçarras (SC), reunirá ainda, pilotos da França, Estados Unidos, Austrália, Argentina e Brasil.
Federico Bufacchi / Foto Maurício Brandão
O piloto italiano é experiente e já participou de várias edições do campeonato sempre com boa performance. Em 2008 foi vice-campeão, depois de eliminar ao longo da disputa o catarinense Alessander Lenzi, que já foi campeão da competição em 2001 e o norte-americano Ross Champion, que tem dois títulos no currículo.

Nesta temporada, Bufacchi não disputou as outras três etapas do 14º Jet Waves World Championship, disputadas em Portugal, França e Estados Unidos, por isso, não briga pelo título de campeão geral. Entretanto, tentará lutar pelo título da etapa brasileira, que nos últimos três anos foi vencida por Lenzi, em duas oportunidades e pelo gaúcho Tiago Geitens no ano passado.

Por Renato Fabretti

28 de outubro de 2012

Ricardo Ferreira é bi no Surfe Paulista Pro 2012

Não poderia ser mais perfeito o domingo de sol no Guarujá (SP) para Ricardo Ferreira. O surfista da Praia Grande (SP) venceu a terceira e decisiva etapa do Maresia Paulista de Surf Pro 2012, que foi realizado na badalada praia das Pitangueiras e, com o resultado, conquistou o título do circuito e também de bicampeão estadual profissional de São Paulo na temporada - ele foi campeão em 2009. "Mantive o foco durante todo o evento, trabalhei forte fase por fase e este esforço valeu a pena. Ganhei e fui campeão novamente", ressaltou o dono também do título de 2009.
Ricardo Ferreira é bi / Foto Munir El Hage
Ricardo Ferreira fez barba, cabelo e bigode nas ondas que mais costuma treinar. Ou seja, ganhou R$ 8 mil pela vitória, uma passagem para o Hawaii fornecida Nias Tour por ter vencido o circuito e uma moto 0Km, dada pela rede de lojas de boardwear Tent Beach por levantar o título estadual pela segunda vez na carreira. Na bateria final, ele superou o ainda atleta Mirim de 16 anos Victor Bernardo (2º), do Guarujá; o seu conterrâneo da Praia Grande Flávio Nakagima (3º) e o baiano de Itacaré Alandreson Martins (4º). "Foi um final de semana fantástico. Altas ondas, sol, público na praia.", disse o campeão paulista profissional de 2011.

O vice-campeonato paulista ficou com o ubatubense Renato Galvão, que poderia ser tricampeão estadual se não fosse eliminado nas quartas-de-final na quarta colocação e se Ricardo Ferreira e Flávio Nakagima não chegassem à final. Não deu sorte e não repetiu os títulos de 2002 e 2007. Nakagima disse gostaria de ter levantado a taça, sim. Mas se mostrou feliz com a terceira posição tanto na etapa quanto no ranking do circuito. "O Ricardinho, que é meu irmão de coração, mereceu a vitória. Não deu para mim dessa vez, mas estou contente com a boa temporada que estou tendo", avaliou o atleta da equipe Maresia de Surf.
Ricardo Ferreira / Foto Munir El Hage
Com a sétima posição na terceira etapa do Maresia Paulista de Surf Pro 2012, o cearense Messias Félix assumiu a liderança do ranking da Associação Brasileira de Surf Profissional (Abrasp) e está na frente na briga pelo bicampeonato nacional - foi campeão em 2010. "Sair daqui do Guarujá na liderança me dá mais confiança para as duas etapa restantes, lá em Santa Catarina", afirmou o surfista de Fortaleza (CE).

Ítalo Ferreira foi o grande vencedor da Overboard Expression Session, competição paralela ao evento principal que premia o autor da melhor manobra. "Quando vi aquela onda, senti que tinha um bom potencial de manobra. Acelerei e consegui um ‘varial grab no lip’ bem alto. Estou muito feliz com esta vitória", declarou o atleta potiguar. Dê prêmio, ele recebeu R$ 1 mil.

Ranking do Maresia Paulista de Surf Pro 2012 - Final
1º Ricardo Ferreira (Praia Grande-SP), 2.010 pontos
2º Renato Galvão (Ubatuba - SP), 1.730
3º Flavio Nakagima (Praia Grande - SP), 1.680
3º Antônio Eudes (CE), 1.680
5º Rudá Carvalho (BA), 1.560
6º Messias Félix (CE), 1.550
7º Alandreson Martins (BA), 1.460
8º Marco Fernandez (BA), 1.400
9º Ítalo Ferreira (RN), 1.360
10º Guilherme Ferreira (SC), 1.310
Ítalo Ferreira / Foto Munir El Hage
Ranking Paulista Pro 2012 - Final
1º Ricardo Ferreira (Praia Grande-SP), 2.010 pontos
2º Renato Galvão (Ubatuba - SP), 1.730
3º Flavio Nakagima (Praia Grande - SP), 1.680
4º Luan Carvalho (Praia Grande - SP), 1.225
5º Odirlei Coutinho (Ubatuba - SP), 1.210
6º Giancarlo Zampieri (São Sebastião - SP), 1.160
7º Gustavo Henrique (Ubatuba - SP), 1.140
8º Arthur Aguiar (Ubatuba - SP), 1.115
9º Nathan Brandi (Guarujá - SP), 1.030
10º Saulo Júnior (Ubatuba - SP), 1.010

Por Roberto Pierantoni

Vídeo: 3ª etapa do Maresia Paulista de Surf Pro 2012

Confira o que melhor aconteceu no primeiro dia da competição que definirá o melhor surfista profissional de São Paulo da temporada. O primeiro dia de disputas rolou no sábado (24/10), válida como a terceira e decisiva etapa do Maresia Paulista de Surf Pro 2012, na praia das Pitangueiras.
No vídeo, é possível conferir a atuação de alguns dos principais surfistas do País no circuito. Há declarações do gerente Comercial da Maresia, Paulo Hutter, e dos surfistas Renato Galvão, Flávio Nakagima e Ricardo Ferreira, os principais candidatos ao título.

Por Roberto Pierantoni

Equipe em ação nas ondas do Nordeste

A barca, composta pelos atletas Geraldo Lemos (longboarder), Jamil Farah (kitesurfista) e os surfistas Heuler Frazão, Isaias Silva, Michael Rodrigues e Lima Júnior (Marketing Pena), este último é responsável pelos registros, partiu por volta das 4h30 da madrugada da última quinta-feira, 25, rumo a um “secret” para aproveitar as boas ondas.
Num clima de total descontração chegaram ao pico escolhido e logo tiveram a certeza de que tinham feito a escolha certa. Altas ondas e bons ventos recepcionaram logo nas primeiras horas da manhã, e como ninguém queria muita conversa, correram logo para a água.
Todos pegaram boas ondas e aproveitaram bastante as condições que estavam clássicas. Direitas abriam uma atrás da outra proporcionando seções de tubo e manobras. Após 4 horas de surf o mar deu uma piorada, e como todos já estavam cansados, resolveram partir para o próximo pico, Paracuru, onde encontraram com outra parte da equipe, Raimundo Bernardo (Pena), Frazão Neto e o xerife Michel Adriano.
Quando chegaram foram direto se alimentar, pois saco vazio não fica de pé, e em seguida correram para a praia. Mais uma vez foram agraciados pelas ótimas condições. Na Boca do Poço ondas de 1 metro quebravam perfeitas, proporcionando várias manobras. Surfaram juntos a tarde toda e se divertiram bastante.

Fonte Pena / Fotos divulgação

André Silva e a cultura Zarautz

Estava em Portugal para acompanhar a etapa do WCT que acontece na praia de Supertubos, Peniche. A chuva e o frio chegaram antes do início do inverno na Europa. Depois de três meses por aqui, passamos pela Inglaterra, França, Espanha, ilha de Açores, Pantin e agora chegamos às Canárias para fechar a perna europeia. Apesar de sempre achar que devo colocar ou retirar algo, posso falar que estou com o meu segundo vídeo pronto.
Nesses anos de viagem, aprendi que o melhor momento para contar sobre uma viagem é depois que ela termina. Desta forma você enxerga de longe todos os acontecimentos daquela época. Hoje, acordei com frio e com saudades de Zarautz, dos dias com meus amigos brasileiros e estrangeiros, das ondas confortáveis e da língua que pretendo aprender na minha próxima visita. O charme daquela pequena cidade e sua historia no decorrer de tantos anos me atraem.

O dono de um restaurante nos contou que um big swell varreu a orla inteira, e além de cadeiras e mesas que ficaram boiando, muitos peixes foram parar dentro do estabelecimento. A festa basca acontece uma vez por ano e dura um dia inteiro. Existe uma festa muito famosa na última cidade do mapa basco, que fica em território francês e se chama A festa de Baiona.
Ela acontece cada dia em uma cidade, mas podia ser todas no mesmo dia, assim seriam mais populares e trariam uma ideia da independência definitiva do País Basco. Todos na festa se vestem com roupas antigas, dando um charme para as meninas, com seus vestidos longos, e um ar machão aos meninos. Os carrinhos de supermercado que usamos para carregar compras, são usados como bar ambulante.

Forramos ele com um grande e grosso saco plástico, colocamos gelo, bebidas, água, refrigerantes e levamos umas baguetes recheadas com queijo e uma espécie de presunto. Passamos o dia na rua. Cantamos, dançamos e encontramos amigos pelas ruas. Devo admiti que foi uma das coisas mais interessantes que vi durante meus anos de viagens pela Europa. Pude fazer uma viagem no tempo e ter uma ideia de como eles viviam há dezenas de anos atrás. Para algumas vovós no Brasil aquilo seria um sonho.

Fiz algumas imagens dos brasileiros durante a etapa de Zarautz. Naquelas condições, nós brasileiros realmente nos sobressaímos. O que poderia ser monótono, se torna uma sessão instigante de muito surf.

Por André Silva

27 de outubro de 2012

Ubatubense segue firme no Paulista de Surf Pro 2012

Renato Galvão deu o primeiro passo rumo ao tricampeonato estadual ao avançar para a terceira fase do Maresia Paulista de Surf Pro 2012, que teve início na manhã deste sábado e termina no início da tarde deste domingo, na praia das Pitangueiras, no Guarujá (SP). Na briga pelo título do circuito organizado pela Federação Paulista de Surf (FPS), o surfista de Ubatuba (SP) assumiu a ponta do ranking com a desclassificação no segundo rounde do então líder, o cearense Antônio Eudes. "Agora é manter o foco e dar um passo de cada vez para levantar a taça", disse o campeão estadual nas temporadas de 2002 e 2007.
Ricardo Ferreira / Foto Munir El Hage
Ele garantiu presença na terceira fase ao ficar em segundo lugar na bateria vencida pelo guarujaense Magno Pacheco e em que foram eliminados os ubatubenses Tamae Bettero e Lucas Santos. Agora, Renato Galvão enfrenta o representante de São Vicente Ricardo Lima, novamente Magno Pacheco e o baiano Marco Fernandez, este atleta da equipe Maresia de Surf, que se classificou em primeiro lugar em sua bateria no segundo rounde. O surfista de Arembepe (BA) ficou à frente de Ricardo Lima, de Ícaro Rodrigues, do Guarujá (SP), e de Beto Fernandes, da Praia Grande.

Na briga direta com Renato Galvão pelo titulo do circuito estão os praiagrandeses Ricardo Ferreira e Flávio Nakagima, o cearense Messias Félix - já estão na terceira fase -, além do catarinense Guilherme Ferreira e do baiano Rudá Carvalho, que disputam suas baterias do segundo rounde na manhã deste domingo - o reinício da disputa está programado para as 8 horas. "Quem se der bem nesta etapa vai ser o campeão, tamanho o equilíbrio", comentou Flávio Nakagima, da equipe Maresia. "Não está fácil, mas quero muito este título e vou lutar até o fim", avisou Ricardo Ferreira, campeão paulista em 2009.
Renato Galvão / Foto Munir El Hage
Outros destaques do primeiro dia foram o cearense Edvan Silva, que obteve a maior somatória (15.87) deste sábado, segundo os juízes do quadro da FPS, e o catarinense Matheus Navarro, com média superior a 13 nas duas fases que competiu. Vale ressaltar também a participação dos catarinenses Neco Padaratz e Marco Polo. Ambos, bastante experientes, já fizeram parte da elite do Circuito Mundial da Association of Surfing Professionals (ASP).

O bicampeão brasileiro (1988 e 1992) Jojó de Olivença e o surfista "das antigas" Paulinho Tomboys são os convidados da Maresia para a entrega da premiação aos vencedores da etapa e campeões do circuito. "Nosso convite também é extenso aos irmãos do Tombo, Amaro (campeão paulista em 1988), Neno e Paulinho Matos (primeiro campeão brasileiro profissional, em 1987)", avisou Paulo Hutter, gerente Comercial da marca patrocinadora do Paulista Pro desde 2007.

Por Roberto Pierantoni 

Final de semana com muito skate no Sul Fluminense.

Desde as primeiras horas da manhã de sábado, dia 20, não parava de chegar skatistas de todas as partes do Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo e Minas Gerais. O Ginásio Municipal do Skate, ficou mais uma vez sob uma vibe muito positiva e especial. E era grande a quantidade de skatistas e espectadores que chegavam para prestigiarem a festa.
Os vencedores das categoria foram, o paulista de Santos, João Vitor Alves no Mirim, que levou uma câmera digital e filmadora Full HD. No iniciante Douglas S. Fernandes “O Cabeça”, além do primeiro lugar da etapa, garantiu o circuito de forma invicta, levando para São Vicente – SP, um DVD com Home Theater. No Feminino 1, quem também se destacou foi a local de São José dos Campos, a talentosíssima Pâmela Rosa, que além de levar a etapa, faturou pela terceira vez consecutiva o Circuito, levando uma TV de 32”.

No domingo, dia 21, por conta do início do horário de verão, a direção do evento, entendeu que deveria prorrogar um pouco mais os prazos para as inscrições das categorias Amador 1 e Amador 2 e com isso, mesmo aqueles menos avisados, conseguiram dar o seu rolé na disputa pelas premiações da Etapa e do Ranking. Ramon Candido mesmo com pé torcido, usou a pista todo com gás e estilo e levou a premiação máxima da etapa e um Notebook pelo Circuito. No Am1 Lucas Cofrinho e David Santos travaram a disputa pelo Ranking. Cofrinho detonou nas transições, canos e wallride e levou na etapa e no ranking. Ele que já vem “colecionando” televisões de Led pelo tri campeonato.

Pra engrandecer a festa ainda foi lançado oficialmente o pro model de shape do skatista pro local Maurício Nava pela marca Skatismo, e logo sairá um vídeo de divulgação na net.

Fonte ASKVR

Moda surf no YSF 2012

Despojada, elegante e cheia de estilo, a coleção Viva La Vida deu um brilho especial ao Yacht Summer Fashion, na noite da última quarta-feira (24), quando os modelos da surfwear californiana Mahalo subiram à passarela do Yacht Summer Fashion 2012. A reação do público foi de surpresa e encantamento com as peças da coleção Verão 2013 da grife, intitulada Viva La Vida.
Repleta de cores, lindas estampas e muito estilo, as bermudas, sungas, camisetas, biquínis, shortinhos, camisas e acessórios deram um brilho especial ao evento e levou um autêntico ambiente de praia para o Yacht Clube da Bahia, em Salvador. O desfile foi o segundo da noite de encerramento do mais importante evento de moda da Bahia neste ano. O YSF 2012 teve iniciado na segunda-feira (22).
Para o gerente de desenvolvimento e criação da marca, Gabriel Almeida, o desfile da grife pôde transmitir o sentimento proposto na concepção das peças. “Viva La Vida é um convite para celebração a vida e representa para nós o sentimento genuíno de viver intensamente cada momento, como se fosse o único”, comenta. "As roupas e acessórios, buscam, através das estampas, das cores e das modelagens, a felicidade, a liberdade e a realização de sonhos. Outro aspecto importante é que essa coleção veio inovar ainda mais o conceito de moda surfwear, pois entendemos que não somente os surfistas adquirem esses produtos, mas todos aqueles que admiram a filosofia de vida dos praticantes do esporte”, explica Almeida.

Por Yordan Bosco / Fotos André Carvalho

Nazaré recebe o Tow In Championship Red Bull Mito

A ZON está com um objetivo de colocar Portugal no mapa das grandes competições internacionais de surf em ondas gigantes, e para isso erá patrocinar a 1ª edição do Tow In Championship ”Red Bull Mito”. A janela está aberta até 30 de novembro, aguardando o melhor momento (são necessárias ondas com pelo menos 10 metros) e funcionará num sistema de duplas, com um dos atleta surfando equanto o outro conduz o Jet Ski (tow-in). Os surfistas serão convocados com uma antecedência de 72 à 48 horas.
Garrett McNamara numa onda de 25 metros / Foto divulgação
Com o seu profundo conhecimento do mar da Nazaré, Garrett McNamara assegura que irão comparecer ao evento as maiores lendas de ondas gigantes da atualidade, incluindo o ex-campeão mundial Tom Carroll.

As duplas de atletas confirmadas:

Carlos Burle e Felipe “Gordo” Cesarano (Brasil) - O brasileiro Carlos Burle fez história em 2001 ao surfar uma onda de 22 metros em Mavericks (Califórnia).

Ramón Navarro (Chile) e Gabriel Villaran (Peru) - O chileno Ramón Navarro foi o primeiro a descobrir e surfar a lendária onda de “La Bestia” na costa do seu país.

Ross Clark - Jones e Tom Carroll (Austrália) - O australiano Ross Clark -Jones foi o primeiro não havaiano a vencer em Waimea Bay (Havai) a competição em memória de Eddie Aikau.

Axi Munian e Pablo Garcia (Espanha) - O basco Axi Muniain foi o europeu com mais nomeações de sempre nos prémios de surf de ondas gd (Billabong XXL).

José Gregório e Ruben Gonzalez (Portugal)

Al Mennie (Irlanda) e Andrew Cotton (Reino Unido)

Lembre-se que Nazaré foi eleito palco privilegiado para o surf de ondas gigantes devido ao chamado “canhão”. Trata-se de um acidente geomorfológico raro, o maior da Europa e um dos maiores do mundo, que consiste numa falha na placa continental com cerca de 170 quilómetros de comprimento e cinco quilómetros de profundidade. O “Canhão da Nazaré” canaliza a ondulação do Oceano Atlântico para a Praia do Norte criando grandes ondas e proporcionando condições únicas para a prática desta modalidade.

Por Irene Luís      

26 de outubro de 2012

ONG Social Skate: um "sonho" que está dando certo

Sonhar é um dos caminhos que o homem escolhe para viver, enfrentar os problemas que surgem, alcançar um ideal, seja na vida profissional ou pessoal. Sonhar é manter foco e seguir em frente. Fazer e acontecer. Um mundo melhor, foi sonhando assim que surgiu o trabalho de Sandro Soares, que usa do skate como instrumento para transmitir mensagens positivais, conceitos de cidadania, para um grupo de jovens e crianças de Calmon Viana, Poá, extremo leste do São Paulo.
Foto divulgação
Por causa deste sonho, Sandro foi um dos indicados para concorrer no estilo "Sonhador" com a ONG Social Skate, no evento Pulso OFF, que comemora o 1º ano do Canal OFF.  O evento reconhecerá grandes feitos realizados por verdadeiros aventureiros que fizeram a diferença em 2012. Heróis nacionais, anônimos e conhecidos, que representam o posicionamento do canal  – aventura, natureza e ação  – serão contemplados nos estilos Sonhador, Explorador, Descobridor e Talentos (da Fotografia e do Vídeo) OFF.

O estilo Sonhador reconhece pessoas engajadas e que participam de ações sociais ligadas a sustentabilidade, qualidade de vida e modalidades esportivas. Sonhadores que fazem do impossível, possível. E é sonhando que Testinha, como é conhecido, trilha seu destino junto de Leila Vieira e filhos.

O evento será no próximo dia 6 de novembro, no Rio de Janeiro,  e é lá que Sandro estará concorrendo com mais três indicados ao título de 'Sonhador'. "Independentemente de ser o primeiro ou o último, o que nos satisfaz já é o reconhecimento da missão, que já passa de 10 anos de pura dedicação, paixão e sonhos", explica.

A ONG Social Skate é mantida por meio das vendas das camisetas que garante o já tradicional café da manhã e o lanche da tarde dos alunos. Para comprá-la e ajudar no projeto envie um e-mail para socialskate@hotmail.com e faça parte da família Manobra do Bem.

Por Charles Roberto

Equilíbrio marca o Paulista de Surf Pro 2012

Dos 96 surfistas inscritos na terceira e decisiva etapa do Maresia Paulista de Surf Pro 2012, um total de 21 atletas tem chances de conquistar o título do circuito organizado pela Federação Paulista de Surf (FPS). A competição será realizada sábado e domingo, na praia das Pitangueiras, no Guarujá (SP), e contará com representantes de dez estados.
Luan Carvalho / Foto Haroldo Nogueira
Apesar desse grande número de candidatos a levantar a taça, os dez primeiros do ranking são os que mantêm mais chances, com destaque para o cearense Antônio Eudes - líder da classificação geral - e os paulistas Renato Galvão e Ricardo Ferreira, segundo e terceiros colocados, respectivamente. Correm por fora o cearense Messias Félix, o carioca Gustavo Fernandes, além de Flávio Nakagima e Luan Carvalho, ambos de São Paulo.

Já na briga pelo título de melhor surfista profissional de São Paulo na temporada, Renato Galvão está na frente na luta pelo tricampeonato estadual. Campeão em 2002 e em 2007, o surfista de Ubatuba (SP) disse que o objetivo nas ondas do Guarujá é conquistar o Paulista Pro pela terceira vez. "Sei das dificuldades, pela qualidade de meus adversários, mas acredito no meu potencial e estou muito focado nesta disputa", avisou o também bicampeão brasileiro (2004 e 2007).

Ricardo Ferreira, que levantou a taça em 2009, e Flávio Nakagima são seus concorrentes diretos. Os dois surfistas da Praia Grande (SP) não escondem que vão se dedicar ao máximo para alcançar a ponta do ranking. "Quero muito este título", disse Nakagima.
Flávio Nakagima / Foto Munir El Hage
O Maresia Paulista de Surf Pro 2012, que é aberto a surfistas de outros estados e também é válido pelo ranking nacional da Associação Brasileira de Surf Profissional (Abrasp), tem premiação total superior a R$ 100 mil. A cada etapa são R$ 30 mil e mais R$ 1 mil para o vencedor da Overboard Expression Session. O campeão do circuito, independente do estado de origem, receberá da Nias Tour uma passagem para o Hawaii e o campeão paulista ganhará da rede de lojas Tent Beach uma moto OKm.

Ao vivo - O público pode acompanhar ao vivo pela Internet nos sites www.maresia.com.br e  www.fpsurf.com.br. Também será premiado a cada etapa com duas pranchas oferecidas pela marca Wave Star, produzidas pelo renomado shaper Reco.

Ranking Paulista
1º Renato Galvão (Ubatuba), 1.280
2º Ricardo Ferreira (Praia Grande), 1.010
3º Filipe Toledo (Ubatuba), 1.000
4 Flávio Nakagima (Praia Grande), 950
5º Luan Carvalho (Praia Grande), 915
6º Odirlei Coutinho (Ubatuba), 850
7º Nathan Brandi (Guarujá), 790
8º Saulo Júnior (Ubatuba), 770
9º Luciano Brulher, 760
9º Giancarlo Zampieri (São Sebastião), 760

Por Roberto Pierantoni

Inscrições abertas para o Circuito Saquarema 2012

O Circuito Saquaremense 2012 promete. Serão três etapas, entre os meses de outubro e dezembro. Uma seqüência de eventos que começa nos dias 27 e 28 de outubro, na Praia de Itaúna. Com vagas limitadas, o Circuito acontece nas categorias Open (aberta), Junior (até 18 anos), Mirim (até 16 anos), Iniciantes (até 14 anos), Infantil (até 12 anos), Feminina (aberta), Longboard (aberta) e Master (a partir de 35 anos).
Para valorizar a abertura do Circuito 900 Graus - HD Saquarema 2012, a Master contará pontos para o ranking Estadual da categoria, liderado até o momento por Milton Morbeck, com Léo Trigo em segundo e Luiz Menezes na terceira colocação.

Além da prova agendada para os dias 27 e 28 de outubro estão previstas disputas nos dias 17 e 18 de novembro e 15 e 16 de dezembro. A idéia inicial dos organizadores é de que uma dessas etapas aconteça na praia da Vila.

A inscrição para a primeira etapa do Circuito custa R$ 50,00 (cinquenta reais) e pode ser feita até o dia 26 de outubro, às 16 horas, nas lojas 900 Graus de Bacaxá, Araruama e Cabo Frio. Atletas que preferirem podem fazer depósito na conta da Adding (HSBC – ag. 0543 c.c. 00421-92), e enviar o comprovante do depósito, com o nome de bateria e categoria que está se inscrevendo para contato@adding.com.br . Todos devem confirmar o recebimento. Informações: 21-3529-2703.

Por Simone Fernandes

Portugal: ZON North Canyon Show

Portugal - Depois de ter feito história ao surfar a maior onda dos últimos tempos, o surfista Garrett McNamara está novamente na em Portugal, em Nazaré. O motivo é tão aguardado documentário, “ZON North Canyon Show 2011”, que inclui as imagens do surfista havaiano pegando a maior onda já surfada (com 25 metros).
O documentário vai ter uma exibição única no próximo sábado, dia 27 de outubro, às 21h00, nas salas ZON Lusomundo Cinemas do Parque Nascente, Alvaláxia, Almada Forum, Dolce Vitta Coimbra, Torres Vedras e Forum Madeira.

Haverá também uma ação de responsabilidade social em que os colaboradores e as suas famílias vão participar, juntamente com o Garrett, numa ação de limpeza e conservação do areal da Praia do Norte da Nazaré, no próximo domingo, 28.

Fonte ZON Press

Messias Felix vence o Desafio Aéreo de Surf

A praia de Geribá, situada na Armação dos Búzios, foi palco do Desafio Aéreo de Surf, no sábado (21). O evento faz parte da grade de programação do Pro Rad e foi patrocinado por Maresia, Garnier Bí-O e TNT, com apoio da prefeitura Municipal de Armação dos Búzios e Abrasp. O dia estava lindo, vento forte e público de cerca de 2.500 pessoas - a praia estava lotada.
Foto DN Produções - Assessória
Messias Felix conquistou o primeiro lugar no campeonato com a nota 8,5 e faturou o prêmio de R$ 4.000,00. O vice-campeonato ficou com Ícaro Rodrigues, que levou R$ 3.000,00. O atleta de Búzios, Duduzinho, ficou em terceiro lugar junto com Flávio Nakagima. Pedro Scooby, Leo Hereda, Guilherme Trip e Alanderson Martins foram desclassificados nas quartas de final.
Classificação:
1º Messias Felix
2º Ícaro Rodrigues
3º Duduzinho
    Flávio Nakagima
5º Pedro Scooby – Rio de Janeiro
6º Guilherme Tripa
7º Leo Hereda – Bahia
8º Alanderson Martins dos Santos

Por Drika Nogueira

25 de outubro de 2012

Exposição ’SUP e SURF, qual a sua onda?"


Coquetel de abertura contou com a presença de nomes importantes do cenário capixaba de Stand Up e Surf. A Supflex, marca de pranchas de Stand Up Paddle inflável, está envolvida de "cabeça' na exposição ‘’SUP e SURF, qual a sua onda?’’, que teve início ontem, 24 de outubro, no restaurante Don Camaleone em Vitória/ES. Abertura para o público é hoje, 25 de outubro.
Foto Charlene Bicalho
A mostra contará com a exibição de vídeos e fotos, que mostram a história e evolução do esporte, bate papo com os destaques do SUP e Surf Capixaba, além da venda de diversas marcas de pranchas, durante todo o período da exposição. Para a vernissage estarão presentes nomes importantes como: Ricardo Larica (Presidente da Federação de Surf e Shaper), Luciano Gualtieri (destaque do SUP Nacional), além do surfista e shaper Reis.

Serviço:
Exposição: SUP ou Surf, qual a sua onda?
Local: Restaurante Don Camaleone
Endereço: Rua Desembargador Sampaio, 263 - Praia do Canto Vitória - ES
Telefone: (27) 3225-2995.
Coquetel de abertura: 24 de outubro - 4ª.feira
Horário Coquetel: 19h às 21h
Período exposição / abertura para o público: de 25 de outubro até 10 de novembro

Por Daniela Vinci

No Ropes, No Bolts na 12ª Mostra Internacional de Filmes

Começa nesta quinta-feira (25) e segue até sábado (27), com sessões às 19h e 21h, no Cine Odeon Petrobras, localizado na Praça Floriano, 7, Cinelândia, Rio de Janeiro (RJ) a 12ª Mostra Internacional de Filmes de Montanhas. Dez produções de seis estados brasileiros e um espanhol, fazem parte da Mostra Competitiva 2012, que tem como objetivo incentivar a produção nacional de filmes de montanha. Os onze trabalhos concorrem ao troféu Corcovado nas categorias: Melhor Filme; Melhor Diretor; Melhor Fotografia; e Melhor Montagem. O premiado fotógrafo João Paulo Barbosa, o piloto e base-jumper Luiz “Sabiá” Tapajós e a fotógrafa e montanhista Silvia Batalha terão a responsabilidade de julgar os títulos em disputa. O público dará também o seu voto para a escolha do melhor filme.
Mallorca / Foto Divulgação
Entre eles está No Ropes, No Bolts, (Sem Cordas, Sem Grampos) dos escaladores Felipe Dallorto e Flavia dos Anjos, com direção de Julio Blander, da ActionBrasil.Tv. Com exibição nesta quinta-feira, às 21 horas, o casal mostra, em 56 minutos, a viagem feita para a Inglaterra e Espanha, duas mecas das modalidades, Hard Grit e Psicobloc, respectivamente. "O filme mostra a trajetória de Felipe e Flavia em uma expedição onde o fator psicológico foi o principal destaque. Em Mallorca, acompanharemos os escaladores brasileiros no berço do psicobloc. E na Inglaterra, mostraremos os principais picos para a prática da escalada tradicional em fendas e rocha únicas”, avisa Julio Blander. “O espectador vai ver tudo o que rolou na conquista de novas vias neste paraíso chamado Mallorca, a convite do escalador local Eneko Pou, como também o encontro com Lucas Marques. No Ropes, No Bolts, é um feito único e histórico para o Brasil”, continua Blander.

O filme – Em outubro do ano passado, Felipe Dallorto e Flavia dos Anjos foram convidados pelos irmãos Eneko e Iker Pou para escalar e conquistar um grande setor em Mallorca, onde nasceu o estilo deep water soloing ou psicobloc. “Nunca recebemos uma honra maior, abrir vias na meca da modalidade, e ao lado de um escalador de renome como Eneko Pou”, deslumbra Dallorto, pioneiro a desbravar diversos picos no Brasil para a prática do psicobloc. A viagem rendeu uma película. “Eu sempre quis fazer um filme sobre psicobloc. No início, queríamos que fosse no Brasil, mas com o convite dos irmãos Pou, o projeto evoluiu e fizemos em Mallorca. É a minha primeira produção”, comemora o escalador que convidou Lucas Marques para participar das conquistas na Meca mundial. “A ilha de Mallorca é cercada de penhascos e falésias de pedras com as características perfeitas para a prática. Muitos negativos e arcos com quedas limpas na água. Mas escalar ali não é tão simples”, adverte.

Dallorto diz que teve que capturar as imagens em duas semanas. “Encontramos algumas dificuldades por não termos conhecimento prévio do local e das vias. Num curto espaço de 15 dias tivemos que escalar, conhecer os lugares, escrever e tomar decisões de roteiro para, de fato, executar as filmagens, o que não foi fácil”, diz. “Como não era possível parar de grampo em grampo para filmar certos detalhes e encontrar ângulos diferentes, tivemos que escalar várias vezes a mesma via. Para filmar de cima, já foi bem mais difícil. Como não há proteção fixa nos setores de psicobloc improvisamos com proteções móveis e nem sempre o local era apropriado para isso. Dava um certo medo de cair de uma altura de 20m com todo o equipamento na água”, continua.

As imagens foram capturadas por duas máquinas digitais Canon SX130 que filmam em HD e uma goPro HD Hero. “Só tínhamos um tripé e alguns extensores para fazer a grua. Utilizamos somente equipamentos não profissionais, mas isso foi proposital, pois já tínhamos bastante material para manusear e carregar nas trilhas. Não dava para arriscar material caro nestas condições. As duas máquinas sofreram, voltaram para o Brasil com muito sal, areia e centenas de arranhões”.

Depois da Espanha, Felipe e Flavia foram para a Inglaterra. “Após 15 dias em Mallorca, partimos para a terra dos 'Grit Stones'. Deixamos um paraíso de escaladas sem corda para enfrentar o mundo das escaladas sem grampos que fica em Peak Distric. No início, não iríamos filmar, mas chegando lá, vimos que era possível repetir o processo criativo e compor melhor a história”. A edição do filme ficou por conta do Julio Blander, diretor da produtora ActionBrasil.Tv. “Nossa intenção é mostrar as duas modalidades, o psicobloc e escalada esportiva em móvel, além de incentivar mais filmes brasileiros de escalada”, conta Felipe Dallorto. A programação completa da 12ª Mostra Internacional de Filmes de Montanhas está disponível no site www.filmesdemontanha.com.br.

Por Marcos André

Montadon no 14º Jet Waves World

O sul-africano Jack Montadon marcará presença nas finais do 14º Jet Waves World Championship (campeonato de manobras com jet ski nas ondas). A quarta etapa será realizada de 2 a 4 de novembro, na praia Norte, no Balneário Piçarras, em Santa Catarina. Todos os participantes intensificaram os treinamentos com objetivo de fazerem boas apresentações para tentarem garantir um lugar no pódio.
Jack Montadon / Foto Maurício Brandão
Neste campeonato, Montadon estreou obtendo a quarta colocação na etapa realizada no mês de maio, na cidade portuguesa de Sintra. Depois, em junho, foi a Montalivet, na França e terminou em terceiro. Em setembro foi realizada em Pacific City, nos Estados Unidos, a terceira etapa e o sul-africano ficou em quarto lugar. Na classificação geral do 14º Jet Waves World Championship, ocupa a terceira colocação com 47 pontos, oito a menos que o líder Pierre Maixent, da França e cinco a menos que o norte-americano Zach Bright.

Será a segunda vez que competirá no Brasil. No ano passado foi considerado o piloto revelação. Terminou a temporada em sexto lugar na classificação geral. Na etapa decisiva no Balneário Piçarras, ficou em terceiro lugar. Nas semifinais perdeu para o tetracampeão, Maixent. O sul-africano garantiu o terceiro lugar sem disputar, pois seu adversário, o catarinense Alessander Lenzi havia machucado o joelho na semifinal e preferiu se poupar.  Montadon está motivado e espera ter uma perfomance ainda melhor que em 2011, principalmente porque agora já conhece as condições de mar, da praia Norte.

Por Renato Fabretti

Nova coleção de biquínis da Billabong

O verão do Brasil é um dos mais quentes e a extensa faixa litorânea permite que grande parte das praias nacionais sejam consideradas as mais bonitas do mundo. Por conta disso, o país é especialista e referência mundial quando o assunto é moda praia.
A Billabong, marca especialista no lifestyle de praia, apresenta as tendências da estação em variadas cores, estilos e modelos, que vão desde modelos tradicionais, como o cortininha até aos mais conceituais, como o Marilyn, o biquíni retrô da marca.
Este ano, além de comprar o biquíni completo, será possível também encontrar packs avulsos. Ideais para quem gosta de variar, essa opção vem com três peças cada um, sendo todas do mesmo modelo, mas com diferentes cores e estampas. Além do benefício da variedade, o uso do top de uma cor e calcinha de outra também é uma ótima pedida para quem quer valorizar as curvas. Toda a coleção de verão da Billabong já está nas lojas. Para mais informações: www.billabong.com.br

Por Michele Dovoezem

24 de outubro de 2012

Vídeo: Finais Pena Surf Nordeste 2012 - 4ª etapa

A quarta etapa do Pena Surf Nordeste finalizada no último domingo, 21, vai deixar saudades na Baía de Maracaípe, em Pernambuco. Durante os três dias de disputa, o que se pôde ver foi um show de surf dos atletas amadores do Nordeste. Confira o vídeo da quebradeira paraibana que dominou Maraca, Elivelton Santos e José Francisco, campeões Junior e Open, nesta ordem.

Fonte Pena

Equipes fazem estratégia para vecer no Rocky Man

Como montar uma equipe que disputará uma corrida inédita, com sete modalidades diferentes? Qual a melhor estratégia? A resposta para estas perguntas será dada no próximo dia 3 de novembro, durante a disputa do Rocky Man, uma prova totalmente diferente, que reunirá 20 equipes, numa corrida de 100 km, no Rio de Janeiro. Para vencer a competição, os times terão que ir bem nas provas de surfe, mountain bike, corrida em trilhas, asfalto e areia, stand up paddle, parapente e canoa havaiana.
Pedro Scooby
Para enfrentar esta maratona radical, algumas das melhores equipes do país montaram estratégias diferentes. Algumas delas estão apostando em especialistas em certas modalidades. Este é o caso da  Ecomotion, de São Paulo, que terá entre seus integrantes o surfista profissional Pedro Scooby e o paraquedista campeão mundial de skysurf e várias vezes recordista mundial de queda livre, Gui Pádua, que fará a prova de parapente. Os dois atletas nunca participaram nem de provas de corrida de aventura, formato que se assemelha ao Rocky Man.

“Montar a formação para esta competição foi um quebra-cabeças, não queria montar uma equipe muito experiente nas provas de corrida e bike, pois acho que os atletas teriam as pernas muito fortes, mas remariam mal. Acho que a prova de corrida, parapente e canoa polinésia serão decisivas, principalmente esta última. Também não queria fazer feio no surfe, por isso escolhi um profissional”, comentou Shubi Guimarães, capitã da equipe Ecomotion.

“É bom lembrar também que tanto o Scooby quanto o Gui Pádua são atletas que vivem do esporte, por isso com um bom preparo físico. O Scooby precisa estar com saúde muito boa para encarar aquelas ondas e o Gui é um corredor de longa data. Eles e o resto da equipe sabem que é uma competição, mas todos querem se divertir também”, finaliza Shubi Guimarães.
Gui Pádua
Diferente da equipe Ecomotion, vários times estão adotando um planejamento focando em atletas versáteis. A Quasar Lontra, também de São Paulo, por exemplo, apostou em nomes conhecidos da corrida de aventura, como Mateus Ferraz, bi-campeão da Brasil Ride na categoria Mista, que fará a prova de mountain bike. Outro nome de peso do time paulista será o carioca Iazaldir Feitosa, um especialista em corridas de montanha, que apensar de não ter a experiência de provas de aventura é um atleta muito resistente, já tendo vencido várias corridas de ultramaratona e enduro.

“O formato desta prova é muito interessante, pois não prioriza apenas a força, mas também a estratégia de cada time. Ao mesmo tempo, não foi fácil montar a equipe, principalmente escolher um atleta do parapente, modalidade que sou leigo”, observa Rafael Campos, capitão da Quasar Lontra.

“Acho que estamos bem em todas as provas, exceto na canoa, onde temos apenas dois atletas com experiência, o Luiz Carlos Guida, campeão brasileiro de SUP e o Mateus Ferraz, que já remou em algumas corridas de aventura. Nossa estratégia é garantir uma boa vantagem antes desta etapa e depois só administrar. A intensão é brigar pela liderança, acredito que temos uma boa formação”, comemora Rafael Campos.

Por Camila Coimbra

Vídeo: 1ª etapa do SP Contest 2012 - Tombo

Evento realizado no último final de semana, na praia do Tombo, no Guarujá (SP).  No vídeo, é possível conferir a atuação de alguns dos principais surfistas da Grande São Paulo e as vitórias de Eduardo Maia, Bruno Romano, Fabrizio Parra, Alexandre Miranda e Vivian Messina, respectivamente, nas categorias Open, Júnior, Máster, Longboard e Feminina.
Depois da etapa do Guarujá, segue para a praia de Maresias, em São Sebastião (SP), e ocorre nos dias 24 e 25 de novembro. A terceira e decisiva prova da temporada será realizada nos dias 8 e 9 de dezembro, na praia de Itamambuca, em Ubatuba (SP). Resultados completos no site da FPS - www.fpsurf.com.br

Por Roberto Pierantoni

23 de outubro de 2012

Vagas preenchidas na decisão do Paulista de Surf Pro 2012

Todas as 96 vagas abertas para a terceira e decisiva etapa do Maresia Paulista de Surf Pro 2012 foram preenchidas, segundo a Federação Paulista de Surf (FPS), organizadora do circuito que definirá o melhor surfista profissional de São Paulo da temporada. A disputa será realizada sábado e domingo, na praia das Pitangueiras, no Guarujá (SP). "As expectativas de lotação máxima foram atingidas antes mesmo do final das inscrições, o que mostra a força de nossa competição", afirmou Sílvio da Silva, presidente da entidade.
Antônio Eudes
Além de surfistas de São Paulo, outros nove estados estarão representados nas ondas do Guarujá: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Bahia. Vale lembrar que o Maresia Paulista de Surf Pro 2012 é válido para a formação dos rankings paulista e nacional da Associação Brasileira de Surf (Abrasp). Entre os atletas não paulistas que confirmaram presença estão Gustavo Fernandes (RJ), Alan Jhones (RN), Caetano Vargas (PR) e Marco Fernandez (BA).

Outros destaques da etapa decisiva são os cearenses Messias Félix e Antônio Eudes. O primeiro foi o vencedor da segunda prova do ano, realizada na praia de Itamambuca, em Ubatuba (SP). O segundo lidera o ranking e segue na frente na briga pelo título do circuito. Atrás dele na classificação geral está o ubatubense Renato Galvão, que luta pelo tricampeonato estadual de São Paulo. "Sem dúvida, a disputa no Guarujá será quente, pois a nata do surfe brasileiro estará presente", avaliou Silvério.
Messia Félix
Inscritos de Outros Estados
Rio Grande do Sul - Gustavo Bertotto
Santa Catarina - Cainã Barletta, Diego Rosa, Greg Cordeiro, Marco Polo, Matheus Navarro, Tiago Bianchini e Yuri Gonçalves
Paraná - Caetano Vargas
Rio de Janeiro - Gustavo Fernandes, Leandro Bastos e Mariano Arreyes
Bahia - Alandreson Martins, Aurélio Santana, Bruno Galini, Dennis Tihara, Franklin Serpa, Ian Costa, Mar e Fernandez
Paraíba - Samuel Igo
Pernambuco - Patrick Tamberg
Rio Grande do Norte - Alan Jhones, Italo Ferreira e Madson Costa
Ceará - Antônio Eudes, Artur Silva, Dunga Neto, Edvan Silva, Felipe Martins, Marcio Farney e Messias Félix
Ranking do Maresia Paulista de Surf Pro 2012
1º Antônio Eudes (CE), 1.360
2º Renato Galvão (Ubatuba), 1.280
3º Ricardo Ferreira (Praia Grande), 1.010
Marco Fernandez
4º Filipe Toledo (Ubatuba), 1.000
4º Messias Félix (CE), 1.000
6º Gustavo Fernandes (RJ), 970
7º Flávio Nakagima (Praia Grande), 950
7º Rudá Carvalho (BA), 950
9º Luan Carvalho (Praia Grande), 915
10º Guilherme Ferreira (SC), 910
Ranking Paulista
1º Renato Galvão (Ubatuba), 1.280
2º Ricardo Ferreira (Praia Grande), 1.010
3º Filipe Toledo (Ubatuba), 1.000
4 Flávio Nakagima (Praia Grande), 950
5º Luan Carvalho (Praia Grande), 915
6º Odirlei Coutinho (Ubatuba), 850
7º Nathan Brandi (Guarujá), 790
8º Saulo Júnior (Ubatuba), 770
9º Luciano Brulher, 760
9º Giancarlo Zampieri (São Sebastião), 760

Por Roberto Pierantoni

CBSk fecha parceria com a Santa Casa

A partir de agora os skatistas profissionais confederados à CBSk (Confederação Brasileira de Skate) contam com uma grande ajuda na recuperação de traumas ou intervenções cirúrgicas causadas pela prática de skate. A CBSk estabeleceu parceria com o Grupo de Trauma no Esporte da Santa Casa de São Paulo, que conta com renomados especialistas em diversas áreas da Medicina de Traumatologia Esportiva, entre eles médicos de clubes, federações e confederações de diversos esportes.
Grupo Trauma no Esporte da Santa Casa / Crédito CBSk
Para marcar atendimento os skatistas profissionais precisam apresentar sua carteirinha da CBSk, mais o registro no SUS (Sistema Único de Saúde) e assim ter acesso ao tratamento gratuito, especializado e prioritário. Basta telefonar para (11) 2176-1570 ou 7672-5196, ou enviar e-mail para esportesantacasa@yahoo.com.br e agendar a consulta.

O Grupo de Trauma no Esporte está situado no Pavilhão Fernandinho Simonsen na Santa Casa, localizada à Rua Dr. Cesário Mota Júnior, nº 112, 2º andar, Santa Cecília, São Paulo (SP). Suas atividades são concentradas na Unidade Básica de Saúde da Consolação, que é coordenada pela Santa Casa e, onde hoje já funciona a maioria dos ambulatórios de especialidades.

Conta com a colaboração do Departamento de Fisioterapia da Santa Casa para reabilitação dos atletas, promovendo o retorno às atividades esportivas o mais rápido possível para que não haja perda do condicionamento físico. O principal objetivo do grupo de traumatologia esportiva é oferecer, dentro de um serviço de renome internacional, atendimento aos atletas de nível competitivo que não contam com este em suas agremiações e clubes. A CBSk e o Grupo de Trauma no Esporte da Santa Casa tem certeza de estarem contribuindo significativamente para o desenvolvimento do skate profissional brasileiro.

Fonte CBSk