20 de janeiro de 2011

Equipe sul-americana é 3ª no ASP World Junior Championship

A equipe sul-americana ficou em 3º lugar com 29750 pontos alcançados por Caio Ibelli, Krystian Kymerson, Miguel Pupo e Jesse Mendes, também considerados os melhores surfistas sul-americanos no campeonato. O time contou com o chileno Guilhermo Satt.
Equipe australiana / Foto Blaise Bell
Os vencedores foram apurados por meio da soma dos pontos das duas etapas do ASP World Junior em Sydneu e na Indonésia. São contabilizadas as potuações dos quatro melhores surfistas de cada região.

Em primeiro lugar ficaram os australianos. As pontuações de Jack Freestone, campeão mundial de juniores, Mitch Crews, Davey Cathels e Dean Bowen acumularam 36500 pontos.

Em segundo ficou a equipe norte-americana, com 30250 pontos dos quais se destacaram os seguintes surfistas: Nat Young, vice-campeão mundial de juniores, Kolohe Andino, Conner Coffin e Evan Thompson.
Caio Ibelli / Crédito ASP
Em 4º lugar ficou a equipe do Continente Africano com 27750 pontos, no qual se destaca Dale Staples, 3º lugar no ranking total, Chad du Toit, Shaun Joubert e Brendon Gibbens

Em 5º lugar ficou a equipe europeia, com 26500 pontos graças as excelentes pontuações de Marc Lacomare, que venceu a etapa em North Narrabeen, Charles Martin, Maxime Huscenot e o luso-alemão residente em Portugal, Nicolau Von Rup.
A equipe havaiana terminou no 6º lugar com 25250 pontos, para o qual contribuiram os surfistas Kiron Jabour, Granger Larsen, Alex Smith e Tyler Newton.

Em último, no 7º lugar, ficou a equipe japonesa com 3250 pontos, que não teve boa somatória neste mundial de juniores 2010. Mesmo assim os melhores japoneses em prova foram Hiroto Arai, Arashi Kato, Takumi Nakamura, e Kaito Ohashi. Estes jovens são o futuro do surf mundial.

Fonte SurfTotal / edição InnerSport

Nenhum comentário:

Postar um comentário