.

.

10 de janeiro de 2011

Caio Ibelli e Krystian Kymmerson passaram pela repescagem na segunda-feira, em Sydney

Quatro brasileiros seguem na briga do título no Billabong ASP World Junior na Australia

O paulista Caio Ibelli e o capixaba Krystian Kymmerson passaram pela repescagem e quatro brasileiros vão disputar classificação para as oitavas de final do Billabong ASP World Junior Championship 2010 na Austrália. Os paulistas Miguel Pupo e Jessé Mendes já estavam na terceira fase por terem estreado com vitórias no sábado em Sydney. Só o pernambucano Ian Gouveia e o chileno Guillermo Satt foram barrados na segunda-feira de ondas de 3 pés em North Narrabeen. Já o paranaense Peterson Crisanto desfalcou o time sul-americano. O australiano David Vlug entrou na sua vaga, mas não foi páreo para Krystian Kymmerson. E Caio Ibelli também não teve dificuldades contra o havaiano Keala Naihe no primeiro duelo do dia.
Atrás de cada surfista sempre há um bom treinador gritando. Krystian Kymerson é instruído pelo seu durante a sua 2 ª rodada do Billabong / Crédio ASP - Foto Kirstin 
Os dois são os brasileiros com mais chances de aumentar o recorde de quatro títulos verde-amarelos no Mundial Pro Junior da ASP. Caio é o terceiro do ranking e enfrentará o australiano Ty Watson na quarta bateria da terceira fase. Krystian ficou em nono lugar no Oakley World Junior, primeira das duas etapas que estão decidindo os campeões de 2010. O capixaba foi escalado com o sul-africano Shaun Joubert no 12º confronto.
Estrutura do evento / Crédio ASP - Foto Kirstin
Já Miguel Pupo e Jessé Mendes vão disputar as duas últimas vagas para as oitavas de final. Miguel está na penúltima bateria da terceira fase com o português Filipe Jervis e Jessé na última com o sul-africano Chad Du Toit. Ou seja, se vencerem acabarão se enfrentando na próxima fase e dos dois só Pupo ainda tem chances na corrida do título mundial, liderada por Jack Freestone. Mas, para isso o australiano tem que perder para o marroquino Ramzi Boukhiam no oitavo combate da terceira fase.
Krystian Kymmerson / Crédito ASP - Foto Kirstin
No momento, matematicamente a briga está aberta para 25 dos 32 surfistas classificados. Entretanto, cada vitória do líder Jack Freestone ou do vice, Dale Staples, da África do Sul, vai diminuindo a quantidade de concorrentes. No Oakley World Junior, que inaugurou o novo circuito Pro Junior da ASP em outubro passado na Indonésia, por menos de 1 ponto de diferença o australiano derrotou o atual campeão brasileiro da categoria, Caio Ibelli, nas semifinais. O paulista é o terceiro do ranking, junto com Mitch Crews, outra esperança da Austrália acabar com o jejum de 10 anos sem títulos no Pro Junior.

Os dois líderes e Mitch Crews começaram com vitórias em Sydney e não precisaram disputar a repescagem. Já Caio Ibelli foi surpreendido pela zebra de Marrocos, Ramzi Boukhiam, na rodada inicial realizada no sábado em North Narrabeen. Na segunda-feira, o paulista participou do primeiro duelo do dia e passou fácil pelo havaiano Keala Naihe por 11,67 x 8,43 pontos. O capixaba Krystian Kymmerson foi melhor ainda, despachando o convidado de última hora, David Vlug, com um tranqüilo placar de 12,67 x 8,00 pontos. O australiano foi chamado para substituir o ausente Peterson Crisanto.
Ian Gouveia / Crédito ASP - Foto Kirstin
Dentro d´água, as únicas baixas do time sul-americano foram Ian Gouveia e o chileno Guillermo Satt. O filho de Fábio Gouveia foi batido pelo americano Andrew Doheny por 10,20 x 8,10 pontos. Já o chileno disputou a última bateria do dia e deu muito trabalho para o australiano Dean Bowen. Chegou a liderar o confronto até o minuto final, quando seu adversário conseguiu reverter o resultado para 11,84 x 10,70 pontos. Ian e Guillermo terminaram em 33º lugar, com cada um levando 500 pontos e 900 dólares pelas participações no Billabong ASP World Junior Championship 2010.

REPESCAGEM MASCULINA – 2.o=33.o lugar – 500 pontos e US$ 900 pela participação:
1.a: Caio Ibelli (BRA) 11.67 x 8.43 Keala Naihe (HAV)
2.a: Marc Lacomare (FRA) 13.40 x 9.20 Tom Cloarec (FRA)
3.a: Shaun Joubert (AFR) 13.10 x 7.40 Arashi Kato (JAP)
4.a: Davey Cathels (AUS) 15.83 x 8.73 Enrique Ariitu (TAH)
5.a: Hiroto Arai (JAP) 10.20 x 10.00 Beyrick De Vries (AFR)
6.a: Andrew Doheny (EUA) 10.20 x 8.10 Ian Gouveia (BRA)
7.a: Charles Martin (GLP) 14.10 x 12.56 Takumi Nakamura (JAP)
8.a: Chris Salisbury (AUS) 13.43 x 12.27 Evan Thompson (EUA)
9.a: Alex Smith (HAV) 13.03 x 11.03 Conner Coffin (EUA)
10: Nic Von Rupp (ALE) 11.56 x 9.80 Ian Gentil (EUA)
11: Evan Geiselman (EUA) 13.67 x 10.44 Kaishu Tanaka (JAP)
12: Luke Davis (EUA) 10.27 x 8.86 Kaito Ohashi (JAP)
13: Krystian Kymmerson (BRA) 12.67 x 8.00 David Vlug (AUS)
14: Filipe Jervis (PRT) 10.17 x 6.70 Tero Tahutini (TAH)
15: Kaimana Jaquias (HAV) 14.83 x 10.80 Albee Layer (HAV)
16: Dean Bowen (AUS) 11.84 x 10.70 Guillermo Satt (CHL)

TERCEIRA FASE – 1.o=oitavas de final / 2.o=17.o lugar – 1.750 pontos e US$ 1.200:
1.a: Granger Larsen (HAV) x Ryan Callinan (AUS)
2.a: Kiron Jabour (HAV) x Luke Davis (AUS)
3.a: Davey Cathels (AUS) x Evan Geilseman (EUA)
4.a: Caio Ibelli (BRA) x Ty Watson (AUS)
5.a: Marc Lacomare (FRA) x Kaimana Jaquias (HAV)
6.a: Maxime Huscenot (FRA) x Dean Bowen (AUS)
7.a: Charles Martin (GLP) x Chris Salisbury (AUS)
8.a: Jack Freestone (AUS) x Ramzi Boukhiam (MAR)
9.a: Dale Staples (AFR) x Hiroto Arai (JAP)
10: Brendon Gibbens (AFR) x Alex Smith (HAV)
11: Nat Young (EUA) x Keanu Asing (HAV)
12: Shaun Joubert (AFR) x Krystian Kymmerson (BRA)
13: Mitch Crews (AUS) x Andrew Doheny (EUA)
14: Kolohe Andino (EUA) x Nic Von Rupp (ALE)
15: Miguel Pupo (BRA) x Filipe Jervis (PRT)
16: Jessé Mendes (BRA) x Chad Du Toit (AFR)

SEMIFINAIS FEMININAS DO BILLABONG ASP WORLD JUNIOR 2010:
1.a: Laura Enever (AUS) x Justine Dupont (FRA)
2.a: Alizee Arnaud (FRA) x Bianca Buitendag (AFR)

João Carvalho- Assessoria de Imprensa da ASP South America

Nenhum comentário:

Postar um comentário