.

.

30 de dezembro de 2010

Waimea aguarda ondas gigantes para o Eddie Aikau

O Quiksilver in memory of Eddie Aikau continua à espera de ondas. Enquanto isso, a sua magia permanece intacta. Para os havaianos, Waimea Bay é um lugar mágico, um “ahupua'a”, ou seja, um pedaço de terra que é autosuficiente, fornecendo todos os elementos necessários para sustentar a vida, desde a montanha até ao mar e às ondas.
Kelly Slater desafia o Waimea no Eddie Aikau 2009. Foto: Quiksilver/Zac Noyle
Para os surfistas de ondas grandes, Waimea Bay tem sido desde sempre um lugar de contemplação e conexão com a vida e com os outros através do desafio, da emoção, e da ligação com a natureza, provenientes precisamente dessas mesmas ondas maiores que aquelas mais comunmente surfadas.

Mas quando as ondas estão pequenas, ou mesmo flat, tal como Waimea tem estado ao longo das últimas duas semanas é tempo para os surfistas se concentrarem em outros aspectos importantes como a pesca para alimentar a família e / ou a comunidade, ou simplesmente para desfrutrar outros aspectos da vida de cada um.
Tal como outros antes dele, as atividades de Eddie Aikau estavam todas ligadas ao oceano. A falta de ondas grandes não significava tempo longe do mar e havia muito a ser aprendido com o oceano, independentemente do que se passava acima da superfície.

Aikau encontrou-se a si próprio no mar e compartilhou todo um conjunto de sentimentos com um punhado de seus amigos mais próximos. Eddie e José Angel, seu mento,r quer nas ondas, quer na vida, iam frequentemente mergulhar juntos. As suas explorações subaquáticas foram uma grande preparação para o Surf de ondas grandes, ampliando a sua capacidade pulmonar e ensinando-lhes muito acerca dos fundos e a influência destes sobre a forma como as ondas rebentam.
Diz-se que surfar ondas grandes faz os praticantes chegar mais perto de Deus. Mas na maioria das vezes apenas estar longe da terra e entrar no mar é suficiente. O oceano tem uma maneira de silenciar todos os ruídos e preocupações mundanas, que nos transporta diretamente para o centro de tudo. Esse é o tipo de ligação que Homens como Aikau e Angel tinham com o mar o qual foi encontrado em Waimea.

Décadas depois, o mar continua-nos a conectar a todos: as gerações, raças, nações, e é isso que Waimea Bay simboliza - a ligação.

Fonte Quiksilver in Memory of Eddie Aikau / edição InnerSport

Vai começar o Aquax Bodyboarding Contest

Nos dias 15 e 16 de janeiro de 2011, na Praia do Morro do Chápeu, na Taíba, município de São Gonçalo do Amarante, a 60 km de Fortaleza, será realizada e primeira etapa do Super Bodyboarding Ceará 2010. A Pranchão Surf Shop apresentará, o Aquax Bodyboarding Contest.

Em disputa está o títuo de “Rei do Bodyboarding Cearense”, além da excelente premiação de dois mil (R$ 2.000,00) reais para categoria Profissional e bodyboards, nadadeiras, troféus e kits para categorias amadores, estarão em jogo 1000 pontos decisivos no ranking do SBBC 2010 que dará uma passagem para Fernando de Noronha ao campeão da categoria Profissional Masculino.
Na principal categoria, a Pro X AM Masculino, Luiz Gustavo lidera o ranking com 4668 pontos seguido de perto pelos irmãos Freitas, Eduardo com 4377 e Marcelo com 4176 pontos. Ainda com chances matemáticas ao título estão Fábio Rodrigues com 4099 pontos e Roberto Bruno 4088 pontos.

A única campeã por antecipação é a atleta Patrícia Setubal, que garantiu o título da Profissional Feminino após o Desafio Brasileiro. Nas demais categorias amadoras as disputas estão abertas e a decisão acontecerá nas boas ondas da Taíba.

Premiação da Etapa

PROxAM
1º - Troféu + R$ 800,00 + Kit Aquax
2º - Troféu + R$ 450,00 + Kit Aquax
3º - Troféu + R$ 350,00 + Kit Aquax
4º - Troféu + R$ 200,00 + Kit Aquax
2X 5º - Troféu + R$ 100,00

PROxAM FEMININO
1º - Troféu + Kit Aquax + Bônus em Dinheiro
2º - Troféu + Kit Aquax + Bônus em Dinheiro
3º - Troféu + Kit Aquax
4º - Troféu + Kit Aquax

AMADOR MASCULINO
1º - Troféu + Kit Aquax + Bodyboard Genesis (Modelo Amador)
2º - Troféu + Kit Aquax + Nadadeiras The One
3º - Troféu + Kit Aquax
4º - Troféu + Kit Aquax

AMADOR FEMININO
1º - Troféu + Kit Aquax + Bodyboard Genesis (Modelo Amador)
2º - Troféu + Kit Aquax + Nadadeiras The One
3º - Troféu + Kit Aquax
4º - Troféu + Kit Aquax

INICIANTE MASCULINO
1º - Troféu + Kit Aquax + Bodyboard Genesis (Modelo Amador)
2º - Troféu + Kit Aquax + Leash Genesis
3º - Troféu + Kit Aquax
4º - Troféu + Kit Aquax

INICIANTE FEMININO
1º - Troféu + Kit Aquax + Nadadeiras The One
2º - Troféu + Kit Aquax + Leash Genesis
3º - Troféu + Kit Aquax
4º - Troféu + Kit Aquax

AMADOR UNIVERSITÁRIO
1º - Troféu + Kit Aquax + Bodyboard Genesis (Modelo Amador)
2º - Troféu + Kit Aquax + Leash Gold Genesis
3º - Troféu + Kit Aquax
4º - Troféu + Kit Aquax

MASTER (A PARTIR DE 28 ANOS)
1º - Troféu + Kit Aquax + Bodyboard Genesis (Modelo Amador)
2º - Troféu + Kit Aquax + Nadadeiras The One
3º - Troféu + Kit Aquax
4º - Troféu + Kit Aquax

INSCRIÇÕES ABERTAS
Categorias Inscrição Vagas Mínima*
Profissional Masc. R$ 100,00 32 18
Profissional Feminino R$ 70,00 8 4
Amador Masc. R$ 65,00 32 16
Amador Feminino R$ 55,00 12 6
Iniciante Masc. R$ 45,00 24 16
Iniciante Feminino R$ 35,00 12 4
Amador Universitário R$ 65,00 12 4
Master R$ 45,00 16 6
Amador + PRO Masc. R$ 150,00
Total 148 74

* Quantidade Mínima de Atletas para garantir a premiação anunciada.

OBS1: Os atletas que realizarem inscrição em mais de uma categoria terão um desconto de R$ 10,00 o valor total pago.

OBS2: Os valores da filiação para do Circuito Municipal de Fortaleza 2010 e para do Super Bodyboarding Ceará já estão inclusos nos valores das inscrições. Todos os atletas terão direito a premiação e pontuação integral.

OBS3: As inscrições devem ser feitas até dia 14/01 nos locais de inscrição abaixo.

LOCAL PARA EFETUAR AS INSCRIÇÕES: 
Lj-01 Av. Monsenhor Tabosa, 361 - Lojas 02 e 04 - (85) 3219.1145
Lj-02 Rua Guilherme Rocha, 428 - (85) 3212.6395
Lj-03 North Shopping 1º Piso - (85) 3287.1855
Lj-04 Senador Pompeu, 1110 loja 01 Shopping Camelo II - (85) 3212-7637

ATENÇÃO: INSCRIÇÕES EFETUADAS APÓS DO DIA 14/01/2011 SOFRERÃO MULTA DE R$ 10,00 E ESTARÃO SUJEITAS A DISPONIBILIDADE DE VAGAS.

PATROCÍNIO: AQUAX – VIVA ESSA ONDA
APRESENTAÇÃO: PRANCHÃO SURF SHOP
CO-PATROCÍNIO: GÊNESIS BODYBOARDS E NADADEIRAS THE ONE
APOIO: POUSADA ÁGUA DO MAR e TAXI TAÍBA
DIVULGAÇÃO: CEARÁ SURF, EMFOCO SURF, BODYBOARD PRESS E ADRENA RODUÇÕES
REALIZAÇÃO: ASSOCIAÇÃO DE BODYBOARDING DE FORTALEZA (ABBF) EM PARCERIA COM FEDERAÇÃO DE BODYBOARDING DO CEARÁ (FBCE) E LIGA CEARENSE DE BOADYBOARDING (LCB)

Por Tainan Monte / Presidente da ABBF / abbfortaleza@gmail.com

Isabela Sousa renova patrocínio e treina forte para 2011

A atleta Campeã Mundial Isabela Sousa, aos 21 anos, possui vários títulos em sua carreira. Quando amadora, foi campeã brasileira em 2005, bicampeã Latino-americana Profissional (2006-2008), Campeã Pan-Americana em 2009 e hoje é a primeira Nordestina Campeã Mundial, entre outras conquistas. Ela acaba de renovar seu patrocínio com a Pena.
“É muito gratificante renovar com uma empresa na qual tenho tanta afinidade. Já tive o privilegio de viajar com a família Pena e posso garantir que há uma energia muito boa na marca, me sinto honrada em continuar na equipe” Finaliza a Campeã Mundial de 2010, Isabela Sousa. Os 2 títulos internacionais e 1 brasileiro, Isabela já carregava a marca no alto do boné e no topo de seu bodyboard.

O circuito mundial de 2011 promete entrar em uma nova era do esporte, pois grandes empresas investirão de forma inédita. Os atletas terão uma mídia mais expansiva e melhores premiações nas etapas já definidas pela IBA. Além da Pena, Isabela também recebe o apoio do Governo do Estado do Ceará (SESPORTE), Co-patrocínios das Pranchas Genesis e da Hydro Fins.

Por Alex Sousa / Fotos Lima Jr / www.pena.com.br

29 de dezembro de 2010

Festival de Surf de Matinhos define os Campeões Estaduais de 2010

Nos dias 29 e 30 de dezembro o Festival de Surf de Matinhos, etapa do Paranaense de surf que definirá os campeões estaduais de 2010 vai premiar os vencedores em sete categorias: Open, Junior, Mirim, Iniciante, Feminino, Máster e Curitiba. O evento será a última competição de surf no Brasil e promete agitar a Praia Brava ou Pico de Matinhos. O campeonato acontece na praia que apresentar as melhores ondas. As inscrições poderão ser feitas na sede da Federação Paranaense de Surf , na Alameda das Pedras ,60, em Matinhos, no primero dia de competição até às 8 horas.
Na foto Adalvo Argolo, Presidente da Confederação Brasileira de Surf, Jairton Inácio, Presidente Federação Paranaense de Surf e o Zé Paulo, tour maneger Billbong Brasil
A Federação precisa definir os campeões estaduais de 2010 para poder formar a equipe paranaense que irá representar novamente o Estado no Circuito Brasileiro Billabong de Surf 2011. O Paraná, em 2011, vai receber uma etapa deste importante evento já confirmada no calendário da Confederação Brasileira de Surf. "Aproveitando a pauta gostaria de convidar todos os atletas, mídia e público em geral para acompanhar e prestigiar esse evento", falou o Presidente da Federação Paranaense de Surf Jairton Inácio .

Jairton também destacou o ano de reestruturação e de conquistas da moralização da credibilidade do surf paranaense, pois a equipe estava afastada há dois anos do Circuito Brasileiro de Surf por equipes. Em sua gestão, após passar por uma administração comprometendo o financeiro da entidade, "herança deixada pelos ex-dirigentes. Já superada", destaca o atual presidente. Agora, nas mãos de Jairton, a Federação Paranaense de Surf está regularizada junto à CBS (Confederação Brasileira de Surf), entidade máxima do surf brasileiro.

A Federação trabalha para 2011 um calendário cheio de eventos e campeonatos para o Estado, além de novos cadastramentos das associações e a regulamentação e fiscalização das escolas de surf, como também todas as etapas na gestão e até mesmo o surf treinos continuará sendo tranmitido ao vivo

O Campeonato é Organizado e Homologado pela Federação Paranaense de Surf junto com a Supervisão da Confederação Brasileira de Surf e o Apoio da Prefeitura Municipal de Matinhos e da Organização Centralizadora de Esportes Aquáticos de Matinhos a cobertura e pelos sites tanapraia, surfja e litoral radical o evento terá transmissão ao vivo pelo site http://www.netkron.com.br/.

Por Assessoria de Imprensa da Federação Paranaense de Surf / jairtoninacio@hotmail.com

Diego Mendes lidera o ranking Sub-20 no Circuito Nordestino de Surf

Mais uma vez o atleta Diego Mendes, consegue um bom resultado em competições, dessa vez foi durante a segunda etapa do Hugel Sub-20, Diego fez final e ficou com a terceira colocação, com o resultado assumiu a liderança do ranking da categoria Sub-20, categoria essa que vai premiar o campeão sub-20 com um moto 0KM, Diego que neste ano de 2010 ganhou uma moto após garantir o título de campeão Junior do Circuito Nordestino Amador e afirmou está bastante instigado para colocar em sua garagem mais uma moto.
Diego Mendes rasgando a onda do Icaraí durante segunda etapa do Hugel Sub-20. Foto: Jhonata Dias
Em altas ondas que chegavam a atingir 2m de tamanho quem comemorou a conquista do lugar mais alto do pódio na Sub 20, foi o local Bruno Bordovsky. Bruno surpreendeu e com muita atitude despachou favoritos como Saulo Barros, que terminou na segunda colocação e Diego Mendes, que ficou em terceiro. Entretanto, Diego, mesmo não tendo vencido, assumiu a ponta do Circuito e vai para a última etapa como líder da categoria que oferece uma MOTO 0KM. Em quarto ficou Adriano Santos, que com o resultado, assumiu a vice-liderança do circuito.

"A Hugel está de parabéns pela etapa que foi show de surf e rendeu altas ondas... Havia um público muito bom na praia, graças a Deus consegui mais um bom resultado, estou amarradão de estar na Liderança do Ranking, e espero conseguir a vitória na próxima etapa. Estava muito focado para essa etapa, infelizmente não consegui ganhar, mas estou feliz por ter feito dois resultados bons em duas etapas que aconteceram na praia do Icaraí. agora é focar ainda mais na última etapa e mostrar um show de surf" Disse Diego Mendes após o pódio.

Por Everardo Santana / mktsurf@pranchaosurf.com.br

"Trip TV" nas ondas do litoral norte Potiguar

A Surf TV reuniu uma turma de surfistas potiguares como Joca Junior, Gabriela Silveira, André Fagundes, Fabrício Rocha e o apresentador e surfista Eros Sena e partiu em busca de um swell no litoral de Touros para gravar um novo episódio do quadro Trip TV. A temporada de ondas no litoral Potiguar vai de Novembro de 2010 a Abril de 2011.
A temporada começou nas ondas cheias e perfeitas de Cajueiro que estreou o quadro. A passagem por essa praia facilitou um pouco a vida do mascote Fabrício Rocha, de apenas 6 anos.

Satisfeitos com a brincadeira em Cajueiro a equipe partiu para  Lagoa do Sal, lugar de ondas fortes, cavadas e que raramente decepciona seus visitantes. A ondulação não era das maiores mas serviria de termômetro para o resto da temporada.

Acompanhe a Trip Tv e não perca nenhuma onda. Vejam as fotos, clique aqui.

Edição InnerSport

Com uma 5'6, Bruce Irons mostra seu potencial

Assista ao vídeo do segundo episódio da série Volcom Annihilator onde Brunce Irons surfa em condições difíceis com uma prancha 5´6 quadrifin.

Edição InnerSport

Após agressão, Stephanie Gilmore emite comunicado à imprensa

A surfista profissional Stephanie Gilmore emitiu um comunicado à imprensa após a agressão da qual foi vítima na 2ª feira passada, dia 27 de dezembro, a quatro vezes Campeã do Mundo da ASP, 22, foi violentamente agredida num ato de pura violência perto de sua casa em Tweed Heads, New South Wales, Austrália. Gilmore fraturou um pulso entre outras pequenas lesões e vai ficar de repouso durante seis semanas.
Gilmore comemorando seu quarto título da ASP Women's World, em outubro 2010 - Porto Rico
Comunicado:
"Houve um incidente no qual fui atacada à porta de casa", disse Gilmore. "Foi um ato completamente aleatório em que eu fui a vítima e estava no lugar errado na hora errada. É agora um assunto para o tribunal resolver. Tenho feito os tratamentos e estou no meu caminho para a recuperação total e sempre com a moral em alta.

Estou ansiosa para voltar ao Surf daqui a seis semanas. Neste tempo, vou ficar mentalmente e fisicamente preparada para valtar ao meu melhor. Tenho um apoio fantástico da minha família e amigos e estamos ansiosos pelo recomeço no Ano Novo."

Entretanto toda a família da ASP já se mostrou solidária com “Happy Gilmore” e de vários locais foram enviados votos de rápidas melhoras.

Fonte ASP World Tour / Edição InnerSport

ASP altera formato de pontuação para 2011

Após o fim do circuito o Comitê Técnico da ASP reavaliou a estrutura do ASP World Rankings e alterou ligeiramente a distribuição de pontos. "Sempre defendemos que 2010 seria uma transição e o nosso objetivo era reavaliar no final do ano e discutir as alterações adequadas", disse Brodie Carr, do comitê da ASP. "O Comité Técnico da ASP reuniu e discutiu a estrutura dos pontos tendo em conta o desempenho dos atletas nesta temporada. Com alguns pequenos ajustes, temos que criar uma estrutura mais dinâmica e compensatória para os surfistas na próxima temporada", explicou.
Na reunião final do Comitê os surfistas e os diretores de eventos e da ASP reconheceram três fatores chave para reavaliar a estrutura de pontos:
- Manter e melhorar a corrida para o indiscútível campeão mundial.
- Premiar os vencedores das etapas e reconhecer onde e quando as lacunas de desempenho pode ter lugar.
- Criar oportunidades suficientes para os surfistas que competem nos eventos ASP PRIME se qualificarem para o ASP World Tour e para os surfistas dos eventos ASP Star entrarem em eventos ASP PRIME. A necessidade de aumentar os pontos de ASP PRIME e eventos ASP Star.

"As lacunas de desempenho foram identificadas como o limiar abaixo de resultados e áreas onde os atletas surfam ao nível mais alto em termos de formato e dificuldade", referiu Renato Hickel, ASP World Tour Manager. "A repartição específica sobre os níveis são os seguintes". Foram observadas lacunas de desempenho nos seguintes níveis:
- Ao nível do ASP World Tour, após o 13 º lugar
- Ao nível do PRIME ASP, após o 13 º lugar
- Ao nível da ASP 6-Star, após o 9 º lugar

Notas específicas da ASP World Tour:
- Para o 13 º lugar mantém-se os pontos do 17 º lugar dos anos anteriores;
- Para o 9º lugar aumentaram 250 pontos;
- Para o 5º lugar diminuíram 50 pontos;

Notas específicas para os eventos ASP PRIME:
- A ASP International tem cinco eventos PRIME no calendário de 2011, e 1,1 milhões de dólares em Prize Money;
- Aumento dos pontos para os lugares cimeiros dos ASP Prime;
- Mudança do formato, semelhante ao do ASP World Tour, do Round de 24 em diante;
- Identificação de lacuna de desempenho acima de 13 º lugar;
- Uma vitória PRIME equivale a um 3 º lugar do ASP World Tour;

Notas específicas para os eventos ASP 6-Star:
- Premiar os surfistas que avançam até aos 1/4 de final e em diante;
- Premiar os vencedores dos eventos 6 Estrelas;

A tabela completa do ASP World Rankings está disponível no aqui

Fonte SurfTotal / edição InnerSport

28 de dezembro de 2010

Resultado da autópsia de Andy Irons é adiado para maio

Em novembro de 2010, o mundo do surf teve uma trágica perda. Andy Irons, o único surfista que causava medo, dentro do mar, a Kelly Slater foi encontrado morto nos EUA. A primeira notícia foi que o jovem morre devido à picada do mosquito da dengue. Depois falou-se de overdose de medicamento para quem se trata do vício em heroína. A verdade é que as especulações são muitas por causa do falecimento.
Diante dos fotos e para preservar o nome do seu marido e do seu filho recém nascido, Lyndie, esposa de Andy, entregou um requerimento para que os resultados da autópsia de Andy Irons não sejam ainda revelados. A previsão era ir à público esta semana.

Os resultados da autópsia do havaiano tricampeão do mundo continua aumentando a curiosidade dos interessados. Ontem, segunda-feira, 27, um Juíz do Texas aprovou o requerimento de Lyndie e autorizou o adiamento da divulgação dos resultados da autópsia de Andy Irons até ao próximo dia 20 de maio. Aguardemos!

Abaixo uma homenagem ao tricampeão Andy

Fonte SurfTotal / edição InnerSport

Tubarão ataca jovem de 16 anos em Maui, Hawaii

O ataque aconteceu no último domingo, 26, quando o bodyboarder surfava no Kahului Harbor. Os surfistas profissionais Kai Barger (campeão do mundo Júnior em 2008) e Granger Larsen estavam na água quando o ataque aconteceu e conseguiram trazer a vítima até à praia e estancar a ferida da perna esquerda do jovem fazendo um garrote com um “leash”.
Stover-French descansa em sua casa após o susto no último domingo / Foto Gadient
A vítima sofreu lacerações na perna esquerda, pé e tornozelo, segundo Wayne Ibarra, o tenente da polícia local. O jovem bodyboarder foi levado para o Maui Memorial Medical Center onde os médicos confirmaram que os ferimentos foram causados por uma dentada de tubarão.

Segundo Kai Barger, a pé-de-pato usado pelo bodyboarder salvou seu pé esquerdo porque foi exatamente um dos locais onde o tubarão mordeu e na ocasião apenas arrancou a barbatana e fez algumas escoriações no tornozelo. A sorte do jovem é que o hospital mais próximo fica apenas a cinco minutos do local onde surfava o que contribuiu para controlar imediatamente o estado de saúde da vítima.

Fonte The Maui News / edição InnerSport

Stephanie Gilmore e assaltada e espancada

A australiana Stephanie Gilmore, quatro vezes campeã mundial de surf, foi violentamente agredida à porta de sua casa com uma barra de metal em Tweed Heads, New SouthWales, onde reside. A surfista de 22 anos foi vítima de assalto na segunda-feira, por volta das 21h30.
 Stephanie Gilmore / Crédito ASP - Foto kirstin
Segundo fontes locais, Gilmore foi agredida na cabeça e ao utilizar as mãos para se defender fraturou um pulso e levou ainda pontos numa mão, tendo recebido tratamento médico no Hospital de Tweed Heads e recebido alta algumas horas depois.

A polícia de New South Wales confirma ainda que o suspeito, homem, foi detido por amigos e vizinhos de Gilmore, e levado à cadeia.

Os ferimentos de Gilmore significam agora seis semanas "fora da água". “Já estou mais calma e me recupenrando, apesar do trauma. Horrível. É apenas um arranhão na cabeça e um pulso fraturado.
Confira a reportagem aqui.

Fonte SurfTotal / edição InnerSport

ASP distribui cerca de 2 milhões de doláres na América do Sul, em 2011

ASP South America apresenta mais um calendário recorde em 2011. Cerca de 2 milhões de dólares serão investidos pela na América do Sul

A ASP South America apresenta outro calendário recorde em 2011 para os surfistas do continente alcançarem o Dream Tour da ASP. E o Brasil se consolida como o país mais importante na corrida por vagas para a divisão de elite do surfe mundial, com dez etapas distribuindo uma incrível soma de 1 milhão e 680 mil dólares em prêmios, além de 37.500 pontos para o ranking mundial unificado da ASP. Os números são quase o dobro do segundo da lista, os Estados Unidos, com 860 mil dólares e 21.000 pontos em cinco provas.
AnaliGomez / Foto Daniel Smorigo
A ASP South America ainda conseguiu igualar os norte-americanos na quantidade de etapas do ASP World Prime, que valem mais pontos e tiveram sua premiação elevada para 250.000 dólares. Contando com o apoio da Adding Eventos e da Editora Abril na realização dos eventos, o Brasil também terá três PRIME e o tradicional Hang Loose Pro Contest abre a temporada dos grandes campeonatos nos dias 15 a 20 de fevereiro em Fernando de Noronha (PE).

As outras duas estrearão em picos igualmente de ótimas ondas na fortíssima “perna sul-americana” do meio do ano, com oito provas seguidas rolando desde 03 de maio pelo Brasil até 19 de junho no Chile. O Saquarema Surf Pro International da Adding Eventos na Praia de Itaúna e o SuperSurf International Prime da Editora Abril na Praia da Vila, em Imbituba (SC), foram programados para as semanas seguintes do Billabong Rio Pro, que marca a volta da etapa brasileira do ASP World Tour para a capital carioca nos dias 11 a 22 de maio, inclusive da elite feminina que desde 2008 não competia no Brasil.

Nas duas provas serão oferecidas as maiores premiações do ano, 500 mil dólares para o masculino e 120 mil  para as meninas, contra 425 mil e 110 mil das demais, respectivamente. Mas, a série de oito eventos seguidos pela América do Sul começa antes, na nova etapa prevista para Natal, de 03 a 08 de maio em Ponta Negra, na capital do Rio Grande do Norte. É a praia do potiguar Jadson André, que vai defender o título da etapa brasileira do ASP Tour no Rio de Janeiro, da memorável final contra Kelly Slater em Imbituba na despedida do Billabong Pro de Santa Catarina.
Willian Cardoso / Danierl Smorigo
ASP PRIME NO BRASIL - Os melhores do mundo se apresentam na capital carioca até 22 de maio e a maioria fica no Brasil para a “perna” de meio-de-ano da ASP South America. Serão duas estreias do ASP World Prime rolando em seguida, além de um 6 estrelas masculino e feminino, com a série prosseguindo até 19 de junho no Chile, para quem quiser pegar altas ondas em Arica. Acabou o Billabong Rio Pro e no dia 24 de maio começa o Saquarema Surf Pro International no “Maracanã” do surfe, que termina no domingo, 29, na Praia de Itaúna, em Saquarema (RJ).

Do Rio de Janeiro para a antiga sede brasileira do ASP World Tour em Santa Catarina, com o SuperSurf Internacional mantendo a importância da cidade de Imbituba no cenário mundial na confirmação de uma etapa Prime na época de grandes ondas na Praia da Vila, 31 de maio a 05 de junho. E na semana seguinte, 07 a 12 de junho, o Maresia Surf International fecha a passagem da “perna sul-americana” de meio de ano pelo Brasil, promovendo um 6 estrelas masculino junto com um feminino do mesmo nível na Praia Mole de Florianópolis.

CHILE E PERU - Entretanto, a série só acaba no 3 estrelas Arica Surf Challenge nas ondas desafiadoras de El Gringo, no Chile, nos dias 15 a 19 de junho. O outro país da América do Sul nos calendários do circuito mundial é o Peru, que abre a temporada 2011 nos dias 21 a 23 de janeiro, com o Movistar Pro San Bartolo de nível 1 estrela do masculino e do feminino também começando na mesma semana em San Bartolo.

PERNA DE FIM-DE-ANO – Além de fortalecer a série de etapas do meio do ano, a ASP South America permanece com uma “perna brasileira de fim de ano” forte, com quatro provas do ASP World 6-Star entre os dias 27 de setembro e 23 de outubro. Todas na reta final da corrida por vagas para o ASP Dream Tour, bem como na briga pelos títulos sul-americanos da temporada. Os campeões de 2010 foram o catarinense Willian Cardoso e a peruana Anali Gomez.

Esta nova fase decisiva será iniciada pelo Oakley apresenta Rio Surf Pro International na Praia do Arpoador, de 27 de setembro a 02 de outubro no Rio de Janeiro. Para os dias 04 a 09 foi marcada a volta da Praia Brava de Itajaí (SC) e para 12 a 16 o Billabong apresenta Surf Eco Festival na Praia da Armação, no Jardim de Alah em Salvador (BA), com o SuperSurf Internacional novamente fechando o calendário da ASP South America na Barra da Tijuca, de 18 a 23 de outubro no Rio de Janeiro.

QUASE 2 MILHÕES – Para a categoria masculina, será oferecida uma fantástica premiação de 1 milhão e 740 mil dólares nas doze etapas do ASP South America Star Series 2011. Mas, o escritório regional da ASP na América do Sul ainda vai distribuir mais 227 mil dólares em outros três calendários, o das quatro etapas programadas do ASP Women´s Star para decidir o título sul-americano feminino, o das três do Longboard masculino e o das cinco seletivas sul-americanas das duas categorias para o Mundial Pro Junior da ASP. Ou seja, quase 2 milhões de dólares no total, sem contar os prêmios das etapas do ASP World Tour organizadas diretamente pela ASP Internacional.
CALENDÁRIO 2011 DAS ETAPAS DA ASP SOUTH AMERICA:

ASP SOUTH AMERICA STAR SERIES 2011:
1.a: Jan 21-23 – 1 Star – Movistar Pro San Bartolo em San Bartolo – PERU – US$ 10.000
2.a: Fev 15-20 – PRIME – Hang Loose Pro Contest em Fernando de Noronha (PE) – US$ 250.000
3.a: Mar 22-27 – 5 Star – SuperSurf Internacional em local a ser confirmado – US$ 120.000
4.a: Mai 03-08 – Tentativa 4 Star – Ponta Negra Pro em Ponta Negra, Natal (RN) – US$ 85.000
ASP TOUR – Mai 11-22 – Billabong Rio Pro móvel pelo Rio de Janeiro (RJ) – US$ 500.000
5.a: Mai 24-29 – PRIME – Saquarema Surf International na Praia de Itaúna (RJ) – US$ 250.000
6.a: Mai 31-05 – PRIME – SuperSurf Internacional na Praia da Vila, Imbituba (SC) – US$ 250.000
7.a: Jun 07-12 – 6 Star – Maresia Surf International na Praia Mole, Florianópolis (SC) – US$ 145.000
8.a: Jun 15-19 – 3 Star – Arica Surf Challenge em El Gringo, Arica – CHILE – US$ 50.000
9.a: Set 27-02 – 6 Star – Oakley Rio Surf Pro International no Arpoador, Rio de Janeiro – US$ 145.000
10: Out 09-09 – 6 Star – Santa Catarina Pro na Praia Brava, Itajaí (SC) – US$ 145.000
11: Out 12-16 – 6 Star – Billabong apresenta Surf Eco Festival em Salvador (BA) – US$ 145.000
12: Out 18-23 – 6 Star – SuperSurf Internacional na Barra da Tijuca (RJ) – US$ 145.000

ASP SOUTH AMERICA WOMEN´S STAR 2011:
1.a: Jan 21-23 – 1 Star – Movistar Pro San Bartolo em San Bartolo – PERU – US$ 8.000
2.a: Mai 03-08 – Tentativa 4 estrelas – Ponta Negra Pro em Natal (RN) – US$ 25.000
ASP TOUR – Mai 12-16 – Billabong Rio Pro móvel pelo Rio de Janeiro (RJ) – US$ 120.000
3.a: Jun 07-12 – 6 estrelas – Maresia Girls International na Praia Mole, Florianópolis (SC) – US$ 35.000
4.a: Out 12-16 – 4 estrelas – Billabong apresenta Surf Eco Festival em Salvador (BA) – US$ 25.000

ASP SOUTH AMERICA LONGBOARD SERIES:
1.a: Jan 26-29 – 6 Star - Huanchaco Longboard Pro Peru em Huanchaco – PERU – US$ 30.000
2.a: Jul 15-17 – 6 Star – Pena Bahia International Longboard Classic em Camaçari (BA) – US$ 30.000
3.a: Jul 22-24 – 3 Star – Pena Pernambuco International Longboard Classic em Ipojuca (PE) – US$ 15.000

ASP SOUTH AMERICA PRO JUNIOR SERIES:
1.a: Abr 01-03 – Quiksilver Pro Junior na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ) – US$ 18.000
2.a: Abr 08-10 – Vida Marinha Pro Junior em Balneário Barra do Sul (SC) – US$ 7.000
3.a: Ago 12-14 – Mormaii Pro Junior na Praia da Ferrugem, Garopaba (SC) – US$ 7.000
4.a: Ago 19-21 – Hurley Pro Junior na Prainha, São Francisco do Sul (SC) – US$ 7.000
5.a: Ago 26-28 – Billabong Pro Junior Series em local a ser confirmado – US$ 20.000

João Carvalho- Assessoria de Imprensa da ASP South America

Pena Classic Surf 2010, na Praia do Futuro

O Pena Classic Surf 2010 irá acontecer nos dias 21, 22 e 23 de Janeiro, ao lado da Barraca Vira Verão, na Praia do Futuro, em grande estilo e com uma premiação recorde, sendo etapa única. A presença dos melhores surfistas do Nordeste e de alguns estados do país será o ponto principal durante os 3 dias de competição. Altas ondas prometem esquentar as disputas no litoral cearense que são uma constante neste período do ano.
O Circuito Classic Surf que já se realiza há 9 (nove) anos representa um importante papel no cenário estadual e municipal, tanto pela excelente premiação quanto pela formação e revelação de atletas, pela estrutura organizacional e equipe de profissionais, entre outros aspectos que credibilizam o cenário do surf cearense.

Aílton Jr. (Classic Promoções) ressalta a importância do lançamento do Pena Classic Surf que acontecerá no Auditório da Gerardo Bastos terça-feira, dia 11, às 19 horas, Rua Rogaciano Leite, Nº 800 quando serão realizadas as inscrições para as 8 (oito) categorias, além do Seminário tradicional.
Para 2011, o circuito promete dar continuidade a valorização da categoria Free Surf Open, formada por atletas de expressão com alto nível nacional, além da manutenção das sete categorias existentes que fomentaram a formação do Circuito Classic Surf.

Premiação
O Pena Classic Surf distribuirá uma moto 0Km, 05 pranchas Dias, 02 blocos Teccel, além de troféus e kits da Pena. Ao final do evento o campeão da Free Surf Open leva para casa uma moto zero quilômetro e em 2011 a premiação será um carro 0Km, no segundo semestre quando o Circuito Classic Surf completa 10 anos.

Ao final Aílton Júnior afirma que a essência do Circuito Classic continua sendo a manutenção dos atletas em uma competição sadia e a formação de novos talentos, buscando distribuir a cada ano uma premiação mais expressiva.

Preço das Inscrições:
Free Surf Open: R$ 80,00
Free Surf Special: R$ 50,00
Free Surf Classic: R$ 50,00
Free Surf Grand Classic: R$ 50,00
Free Surf Senior: R$ 50,00
Free Surf Staff A: Convidados
Free Surf Staff B: Convidados

OBS: O cronograma do evento será divulgado no coquetel de lançamento no Auditório da Gerardo Bastos. As vagas são limitadas. Portanto, no coquetel, é indispensável a presença para pagamento e confirmação da sua vaga. Informações: classicpromocoes@gmail.com e (85) 9181.0229

O Pena Classic Surf 2010 (9 anos) tem a apresentação da loja Surfbeat Surfshop, o patrocínio da Pena, Gerardo Bastos, Pirelli e conta com o apoio da rádio Mix, jornal O Povo, Pranchas Dias, Blocos Teccel, Federação Cearense de Surf e conta com a realização da Classic Promoções.

Por Ailton Júnior / Classic Promoções

27 de dezembro de 2010

ASP World Tour disponibiliza o calendário para 2011

A ASP (Association of Surfing Professionals) anunciou o calendário do ASP World Tour masculino para 2011. As duas primeiras provas serão na Austrália, Gold Coast, com o Quiksilver Pro, entre 26 de Fevereiro e 9 de Março e Bells Beach ficará com o Rip Curl Pro, entre 19 e 30 de Abril.

A terceira prova do ano é uma das novidades com o Billabong Rio Pro na “cidade maravilhosa”, entre 11 e 22 de Maio. Em seguida o circuito irá para África do Sul, na pacata vila de Jeffreys Bay, para mais uma prova patrocinada pela Billabong. Entre 20 e 31 de Agosto, a Billabong também será a patrocinadora da de Teahupoo, Tahiti.
Jeremy Flores (FRA), 2010 vencedor do Billabong Pipe Master
No mês de Setembro é a vez dos Estados Unidos receberem duas etapas, a primeira no inicio do mês, na Costa Leste, o local ainda será definido. A segunda será o Hurley Pro em Trestles, San Clemente, California.

Outubro é mês da passagem do World Tour pela Europa e enquanto França recebe o Quiksilver Pro entre os dias 4 e 13, Portugal volta a ser o anfitrião do tão aguardado Rip Curl Pro, em Peniche. Podem já marcar férias para o período entre os dias 15 e 24 de Outubro!

Em Novembro é a vez do Rip Curl Pro Search, que terá o seu local definido. Por fim o ASP World Tour termina como sempre de modo apoteótico em Banzai Pipeline, no Hawaii, entre os dias 8 e 20 de dezembro com o Billabong Pipe Masters.

Final do ASP World Tour 2010:


2011 ASP World Tour
Fev 26 - Mar 9, 2011 - Gold Coast, Qld, Austrália
Abr 19 - 30, 2011 - Bells Beach, Victoria, Austrália
Mai 11 - 22, 2011 - Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Jul 14 - 24, 2011 - Jeffreys Bay, Africa do Sul
Ago 20 - 31, 2011 - Teahupoo, Taiarapu, Polinésia Francesa
Set 3 - 12, 2011 - East Coast, Estados Unidos das Amérias
Set 16 - 24, 2011 - Trestles, California, Estados Unidos das Américas
Out 4 - 13, 2011 - South West Coast, França
Out 15 - 24, 2011 - Peniche, Portugal
Nov 1 - 11, 2011 - A definir -  Rip Curl Search
Dez 8 - 20, 2011 - Banzai Pipeline, Oahu, Hawaii

Mais informações sobre o calendário acesse o ASP World Tour

Fonte SurfTotal / edição InnerSport

Mães surfistas se unem no Surfing Mums

As mães surfistas estão cada vez mais unidas desde 2008, quando foi criada, na Austrália, que é uma das grandes potências do Surf mundial, a Associação de Mães Surfistas. A Surfing Mums foi fundada por Vanessa Thompson, mãe surfista de Byron Bay, em 2008. A rede de mães já atingiu 500 membros e já se expandiu para outros países como EUA (California) e Irlanda, além de um fórum online que pode ser acessado no Surfing Mums Group.
Membros do Surfing Mums da esquerda, Kristen Tola, com os filhos Luiza e Sophia, Natalie Patterson e seu filho Timothy, e Lynda Williams e seus filhos Kobi e Éden / Foto Dean Osland
Denominada como Surfing Mums, a organização tem como objetivo unir as mães de todo o mundo apaixonadas pelo surf. O que elas fazem na verdade é incentivar outras pessoas a construir relacionamentos fortes, dentro e fora do ambiente da praia. Além disso, as mulheres tendem a compartilhar ideias, dicas e experiências dos seus papeis de mães.

Ao acessar o site oficial você terá mais informações do Surfing Mums. Conhecerá ainda a loja virtual os artigos e outras informações (em inglês).

Fonte Surfing Mums / edição InnerSport

Família de Irons recebe ajuda de amigos

Após a morte de Andy Irons, em novembro de 2010, amigos mais próximos do surfista decidiram criar uma conta para ajudar a sua mulher Lyndie e o seu filho Andy Axel Irons nos gastos do dia a dia, educação e saúde da criança.

Centenas de pessoas já participam da corrente. Surfistas do World Tour doaram seus "prize money" dos eventos após Porto Rico. Surf Shops e familiares também já fizeram suas contribuições.
Bruce Irons visita Andy Axel Irons, que está bom. Fonte koakauai.com
Andy Axel Irons está muito bem de saúde, e nestes tempos difíceis que a família vive no Kauai, o nascimento da criança foi recebida como um luz de alegria para a família Irons.

Se você que acabou de ler esta nota e quiser ajudar é só fazer uma transferência no valor que achar interessante para a seguinte conta:

Banco: First Hawaiian Bank
Nome da conta: Friends of Andy Irons
Numero da conta: 84-019135

Fonte SurfTotal / edição InnerSport

Parte 2 - História do Surf : O grande Duke

Surfar consiste na arte de equilibrar-se de pé sobre uma prancha e deslizar sobre a superfície da água, sob a impulsão das ondas do mar. Técnica e academicamente, essa é a definição correta sobre essa arte e esporte, mas quem o pratica sabe que não é só isso. Surf é união com a natureza, consigo e com o divino. Esse sentimento está no coração e na alma de quem o pratica independente da idade e da época. Revoltados pela invasão e dominação, os havaianos entraram em sucessivas guerras contras os colonos, durante o inicio do século 20. Um dos pontos de vitória sobre esse império aconteceu nas proximidades de Waikiki, cidade localizada na ilha de Oahu, um homem sentido a falta de sua antiga pratica, pega sua “primeira” onda. Não religiosamente ou por trabalho, mas pelo puro prazer e saudade. 
Crédito da foto Hawaiialive.org
A partir daí, todos os nativos e até filhos dos colonizadores começaram a surfar. Um deles, George Freeth, filho de um europeu com uma havaiana, que se destacou por surfar em pranchas menores, já que ele reduziu a sua de 16 pés pela metade, levou o esporte à Califórnia. O surf rapidamente virou mania nos Estados Unidos. Com o furor do esporte nas praias havaianas e norte-americanas, os salva-vidas foram extremamente necessários.

No Havaí, dois irmãos foram empregados nesse serviço. Um deles, chamado Duke Kahanamoku, destacava-se por sua habilidade no surf e na natação. Ele conseguia fazer manobras que outros não ousavam. As suas oito horas dentro da água lhe renderam as habilidades de ficar em pé de costa na prancha, ou seja, de frente pra onda, passar de prancha pra prancha, surfar acompanhado por cachorros e mulheres. Assim como Freeth, Duke fora levado para os Estados Unidos e, em 1912, foi escolhido para representá-los nas Olimpíadas em Estocolmo.

Após sua passagem pela Suécia, Kahanamoku foi a Austrália e visitando algumas praias locais, o havaiano começou a demonstrar a sua habilidade. Duke maravilhou os ausies, principalmente um garotinho chamado Claude West. Ele, além de se tornar um exímio competidor, ganhando por 5 anos consecutivos. Além disso, o garoto se dedicou a fabricação de pranchas, ele foi um dos primeiros a tentar produzir as shortboards, ou pranchinhas, que usamos hoje em dia. Contudo, em sua época não foi bem sucedido. 
Duke kahanamoku 1920 - Foto Hawaiialive.org
Só após a Primeira Guerra Mundial é que as pranchas começaram a ficar mais leves, finas e longas, como as que West tentou fabricar. O responsável por isso foi Tom Blake. Como era salva-vidas, Blake costumava utilizar as pranchas no resgate, porém, achava-as muito pesadas. Tentando aprimorá-las, Blake conseguiu, após um mês de fabricação, uma prancha que, apesar de ter 15 pés, tinha uma largura de 04 centímetros por 19 de comprimento e pesava cerca de 50 quilos. As anteriores chegavam a pesar 100 quilos, além de serem bem mais largas. Mais tarde, ele conseguiu fabricar pranchas ainda mais leves.

Estamos chegando numa fase do surf, que deu origem a vários outros estilos de surf e competição. Essa é a parte em que os desbravadores do mar, buscam novas emoções e começam a caçar as grandes e temidas ondas, BigWaves. Mas, vamos deixar pra próxima ok?

Por Daniela Soares / Correspondente do InnerSport em Fortaleza

Isaías Silva agora é atleta da Pena

A forte marca de surfwear do Ceará, Pena, fechou contrato com o atleta profissional Isaías Silva, 24 anos, local da Praia da Leste Oeste, Fortaleza - CE. Isaías que se tornou campeão Cearense de Surf Profissional em 2010 e garantiu sua vaga para elite do surf Nacional. O objetivo do atleta para 2011 é correr as etapas dos circuitos: Cearense, Nordestino, Brasil Tour, Brasil Surf Pro e também algumas etapas do WQS realizadas no Brasil. Isaías que tem como forte em seu surf manobras modernas e inovadoras promete roubar a cena no cenário do surf Nacional em 2011.
Isaias Silva e Pena
Ele que sempre é um dos favoritos nos eventos com Expression Session evolui a cada dia seu surf de linha principalmente de backside o que vai lhe tornar um atleta completo dentro das competições, já que se tratando de aéreos o cara hoje é considerado um dos maiores air show do Brasil. “Estou muito feliz em ter entrado na equipe Pena, pois é uma excelente marca que patrocina grandes atletas, agora vou dar o máximo de mim para conseguir os melhores resultados, pois a marca esta me dando toda a condição para chegar nos grandes eventos e fazer bonito”, comentou Isaías.

“Vou me espelhar nos atletas da minha nova equipe Messias Felix que foi campeão Brasileiro em 2009 e Alan Jhones vice-campeão em 2010, para quem sabe conseguir o mesmo feito que elesn. Quero agradecer ao Pena, Brígida, Ligia e ao Lima Jr. do Marketing que me deram a oportunidade de entrar nesta grande marca que é a Pena, quero também agradeser a rede de lojas Pranchão”, finalizou Isaias super instigado.

Fotos e texto Lima Jr. / Marketing - PENA / www.pena.com.br

Equipe Praia do Futuro é bi da Taça Fortaleza de Surf Solidário

A equipe da Praia do Futuro é bicampeã da Taça Fortaleza de Surf Solidário encerrada em sua segunda edição, neste domingo, na Praia do Futuro. A equipe conseguiu 144 pontos. A competição, realizada durante dois dias, reuniu surfistas de oito bairros de Fortaleza. Uma disputa em várias categorias, com a presença de surfistas de renome internacional, revelados no Ceará.
Equipe Praia do Futuro é campeã
Duas estrelas do surf cearense foram homenageadas na oportunidade pela Associação Cearense de Surf Universitário. Ambos, do bairro Varjota. Heitor Alves, que conquistou o direito de disputar o Circuito Mundial de Surf Profissional – 1ª Divisão em 2011, e Messias Felix, campeão do Supersurf – Brasileiro Profissional em 2009.
Amélio Jr e Heitor Alves
De acordo com Ailton Júnior, diretor da Classic Promoções, a Taça Fortaleza de Surf Solidário representa a oportunidade de gerar inclusão social através do esporte. “O que nós queremos com a realização da Taça Fortaleza de Surf Solidário é fazer com que atletas de comunidades carentes da cidade tenham acesso a uma disputa de alto nível com uma organização de ponta”, declarou o organizador do evento.
Homenagem à Messias Félix
O II Taça Fortaleza de Surf Solidário contou com a participação dos seguintes bairros: Barra do Ceará, Varjota, Praia de Iracema, Serviluz, Abreulândia, Moura Brasil, Cristo Redentor e Praia do Futuro numa competição por equipes.
Artur Silva
O II Taça Fortaleza de Surf Solidário conta com o patrocínio da Gerardo Bastos e Pirelli e conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Fortaleza através da Secretaria de Esporte e Lazer, Jornal O Povo, Federação Cearense de Surf, Associação Cearense de Surf Universitário, sendo a realização da Classic Promoções.

Confira os resultados da II Taça Fortaleza de Surf Solidário:
Categoria Iniciante:
1º lugar – Davi Sobrinho (Serviluz)
2º lugar – Eduardo Lima (Serviluz)
3º lugar – Nilson Filho (Praia do Futuro)
4º lugar – Xuxu (Praia do Futuro)
Praia do Futuro
Categoria Mirim:
1º lugar – Ramon Mathias (Serviluz)
2º lugar – Cláudio Richard (Barra do Ceará)
3º lugar – Sávio Carvalho (Praia do Futuro)
4º lugar - Paulinho de Sousa (Praia do Futuro)

Categoria Feminino:
1º lugar - Maria Aldilene (Barra do Ceará)
2º lugar - Gabriela Silva (Praia do Futuro)
3º lugar - Janaína Rodrigues (Praia do Futuro)
4º lugar - Flama Joplin (Abreulândia)

Categoria Sênior:
1º lugar – Ricardo (Serviluz)
2º lugar – Rogério Dantas (Serviluz)
3º lugar – Ivo Gotardo (Praia de Iracema)
4º lugar – Israel Rodrigues (Praia do Futuro)

Categoria Universitário:
1º lugar – Glauciano Rodrigues (Praia do Futuro)
2º lugar – Artur Silva (Praia do Futuro)
3º lugar – Felipe Maia (Varjota)
4º lugar – Caio Lívio (Moura Brasil)

Categoria Estudantil:
1º lugar – Ramon Mathias (Serviluz)
2º lugar – Carlos Eduardo (Barra do Ceará)
3º lugar – Patrick (Praia do Futuro)
4º lugar – Carlos André (Cristo Redentor)

Categoria Júnior:
1º lugar – Jhon Everson (Serviluz)
2º lugar – Patrick (Praia do Futuro)
3º lugar - Sávio Carvalho (Praia do Futuro)
4º lugar – Thiago Lucas (Cristo Redentor)

Categoria Open:
1º lugar – Gutemberg Silva (Praia do Futuro)
2º lugar – Glauciano Rodrigues (Praia do Futuro)
3º lugar – Paulo Henrique (Abreulândia)
4º lugar – Jeová Rodrigues (Cristo Redentor)

Sergio Ricardo entocando num belo tubo

Ranking dos bairros na disputa da II Taça Fortaleza de Surf Solidário:
1º lugar – Praia do Futuro (144 pontos)
2º lugar – Serviluz (112 pontos)
3º lugar- Varjota (60 pontos)
4º lugar – Abreulândia (55 pontos)
5º lugar – Barra do Ceará (51 pontos)
6º lugar – Praia de Iracema (49 pontos)
7º lugar – Cristo Redentor (42 pontos)
8º lugar - Moura Brasil (39 pontos)

Taça Fortaleza de Surf Solidário
Por Ailton Júnior / Classic Promoções / classicpromocoes@gmail.com / Crédito das fotos: Sidnei Machado / Paulo Roberto.

HOJE: Convocação para Eleição da ASN – Biênio 2011/12


A eleição da Associação de Surf de Niterói, para a gestão 2011/12, está marcada para acontecer hoje, dia 27 de dezembro, com primeira chamada às 20 horas, e segunda e última chamada às 20h30, na loja TSN, que fica na Estrada Francisco da Cruz Nunes (antiga Estrada de Itaipu), no 6100, lj 102.
Apenas uma chapa se inscreveu. Esta será formada por Renato Bastos de Almeida como presidente, e Renato Fraga de Oliveira Plaisant como vice-presidente. O Conselho Deliberativo e outros cargos da futura diretoria serão definidos na assembléia.

Mais informações com o presidente Renato Mundongo, através do telefone 7869-0924.

Por ASN Biênio 2009/10 / www.asn.org.br

Bruno Bordovsky vence o Circuito HUGEL Sub 20 – Taça Esther Góis


Icaraí – Caucaia 26/12 - Em altas ondas que chegavam a atingir 2m de tamanho encerrou-se a segunda etapa do Circuito HUGEL Sub 20, no último dia 26. Quem comemorou a conquista do lugar mais alto do pódio foi o local Bruno Bordovsky. Acostumado a frequentar os pódios da categoria Kitewave, Bruno surpreendeu e com muita atitude despachou favoritos como Saulo Barros, que terminou na segunda colocação e Diego Mendes, este último, Campeão Cearense Junior 2010, que ficou em terceiro.
Entretanto, Diego, mesmo não tendo vencido, assumiu a ponta do Circuito e vai para a última etapa como líder da categoria que oferece uma MOTO 0KM para o grande vencedor do certame. Em quarto ficou Adriano Santos, que, com o resultado, assumiu a vice-liderança do circuito.
Outros destaques ficaram por conta da novíssima geração do surf cearense como Larissa Santos , que venceu as categorias Sub 20 Feminino e Sub 14 , Carlos Rodrigues que venceu as categorias Sub 18 e Sub 16 e Rafael Venuto que também faturou duas categorias, a Sub 14 e a Sub 12.
Diego Mendes

O momento mais tenso da competição foi na hora das baterias finais das categorias Sub 14 Feminino e Sub 12. Devido ao tamanho das ondas a organização do evento cogitou a não realização destas baterias. Contudo, os responsáveis pelos atletas garantiram que seus competidores tinham totais condições de enfrentar o mar. É importante ressaltar que Kauã Costa foi o competidor mais jovem na água, com apenas 7 anos de idade, e que só pode competir mediante a assinatura de um termo de responsabilidade por parte de seu responsável.
Durante todo o dia o Icaraí mostrou porque é considerado um dos melhores picos de surf do Brasil bombando ondas de até 2m de tamanho. Os atletas entraram na água e fizeram bonito. Com coragem e determinação, todas as categorias enfrentaram as perigosas condições de surf e provaram que, no que depender dessa geração, o futuro do surf cearense e nordestino está garantido. Quem esteve presente na praia teve a rara oportunidade de testemunhar um dos campeonatos de maiores ondas da história do surf cearense.
Outro diferencial que marcou essa etapa foi a Mini Ramp montada atrás do palanque. Além de vários atletas, alunos da Bosco Skate School e da equipe De Front de Skateboading, o super astro Og de Souza compareceu e deu um verdadeiro show de skate para os presentes.
A 3ª e última etapa do Circuito HUGEL Sub 20 será nos dias 19 e 20 de fevereiro de 2011, também na Praia do Icaraí. Na ocasião conheceremos os nomes de todos os campeões do circuito, inclusive, o do grande Campeão da Categoria Sub 20 que sairá da praia com 01 MOTO 0KM.
A 2ª Etapa do Circuito HUGEL Sub 20 Taça Esther Góis foi apresentada por Lojas SURFBEAT e contou com o Patrocínio de HUGEL Surf Wear, Governo do Estado do Ceará e Prefeitura Municipal de Caucaia. Apoio: Blocos TECCEL, Dias Surf Boards, Sam Eventos, Baly Grip, Reggae Clube, D’Cofibras e Made Pratas. A Cobertura fica por conta dos sites http://www.emfocosurf.com.br/ e http://www.cearasurf.com.br/, Blog Manobra Radical, Revista Wave Wind, Zona Radical e Fortal FM. Realização: ASC e FCS. Promoção: Auêra-Auara Produções.

RESULTADOS DA ETAPA

Sub 20 Masculino
1º Bruno Bordovsky
2º Saulo Barros
3º Diego Mendes
4º Adriano Santos

Sub 20 Feminino
1º Larissa Santos
2º Nayara Silva
3º Angélica Aguiar
4º Manuela Brasil

Sub 18
1º Carlos Rodrigues
2º Thomas Demétrio
3º Ícaro Lopes
4º Saulo Barros

Sub 16
1º Carlos Rodrigues
2º Saulo Barros
3º André Rodrigues
4º Kássio Monteiro

Sub 14
1º Rafael Venuto
2º Eugênio Alves
3º Rafael Tigrão
4º Douglas

Sub 14 Feminino
1º Larissa dos Santos
2º Yanca Costa
3º Yanca dos Santos

Sub 12
1º Rafael Venuto
2º Rafael Tigrão
3º Ismael Filho
4º Kauã Costa

Open Local
1º Ícaro Lopes
2º Bruno Bordovsky
3º Fernando Nunes
4º Neto Negão

PREMIAÇÃO DA 2ª ETAPA POR CATEGORIA

Sub 20 MASCULINO
1º lugar - Prancha Dias Surfboards, troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Joia de prata da MADE PRATAS/parafina) + BÔNUS DE R$ 500,00*
2º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/1 jogo de quilhas/parafina) + BÔNUS DE R$ 250,00*
3º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/1 Antiderrapante Baly Grip/parafina) + BÔNUS DE R$ 150,00*
4º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Leash Baly Grip /parafina) + BÔNUS DE R$ 100,00*

Sub 20 FEMININO
1º lugar - Prancha Dias Surfboards, troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Joia de prata da MADE PRATAS /parafina)
2º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL / 1 jogo de quilhas/parafina)
3º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL / 1 Antiderrapante Baly Grip/parafina)
4º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL /1 Leash Baly Grip /parafina)
Sub 18 MASCULINO
1º lugar - Prancha Dias Surfboards, troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Joia de prata DA MADE PRATAS/parafina
2º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/1 jogo de quilhas/parafina)
3º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/1 Antiderrapante Baly Grip/parafina)
4º lugar - Troféu, kit( 3 peças HUGELl/1 Leash Baly Grip/parafina)

Sub 16
1º lugar - 1 Bloco de 1ª qualidade da Teccell,troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Joia de prata da MADE PRATAS /parafina).
2º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/1 jogo de quilhas/parafina)
3º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/1 deck Baly Grip /parafina)
4º lugar - Troféu, kit(3 peças HUGEL/1 Leash Baly Grip /parafina)
Sub 14 MASCULINO
1º lugar - 1 Bloco de 1ª qualidade Teccell,troféu, kit(3 peças HUGEL/ 1 Joia de prata da MADE PRATAS / parafina)
2º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 jogo de quilhas/parafina)
3º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Antiderrapante Baly Grip/parafina)
4º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Leash Baly Grip/parafina)

Sub 14 FEMININO
1º lugar – 1 Bloco de 1ª qualidade Teccell, troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Joia de prata da MADE PRATAS/parafina).
2º lugar - Troféu, kit( 3 peças HUGEL/ 1 jogo de quilhas/parafina)
3º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/1 Antiderrapante Baly Grip/parafina)
4º lugar - Troféu, kit( 3 peças HUGEL/ 1 Leash Baly Grip/parafina)

Sub 12
1º lugar – 1 Bloco Teccell, troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Joia de prata da MADE PRATAS/parafina)
2º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 jogo de quilhas/parafina)
3º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Antiderrapante Baly Grip/parafina)
4º lugar - Troféu, kit (3 peças HUGEL/ 1 Leash Baly Grip/parafina)
*BÔNUS EM DINHEIRO

Por George Noronha / W. Noronha Comunicação Ltda. / Assessoria de Comunicação / gwnoronha@gmail.com / Fotos: Thales Campos/Cearasurf

Aberta temporada de profissionalização do Skate para 2011

A CBSk anuncia que está aberto o prazo para passagem dos competidores amadores 1 para a categoria profissional em todas as modalidades (Downhill Speed, Downhill Slide, Freestyle, Slalom, Street e Vertical). Válido até 31 de Janeiro de 2011.

Desde que este sistema foi implemantado está controlado o crescimento da quantidade de competidores profissionais no país, já que antigamente o Mercado do Skate não conseguia absorver tantos profissionais, desvalorizando salários e fazendo muitos skatistas da categoria ficarem sem patrocínios.
No Freestyle Lucas Fraga, 3º colocado no mundial amador, solicitou profissionalização / Foto Renato Custódio
O controle é uma antiga revindicação dos competidores profissionais, pois anteriormente profissionalizavam em média 25 skatistas e ano passado foram apenas seis. É a primeira vez que amadores de Slalom e Downhill Slide vão passar pelo processo, além de todos os interessados,até os que participaram em 2010 da temporada de transição, devem participar.

Os amadores interessados e/ou os chefes de equipe devem tomar as devidas providências:
1) Na declaração de responsabilidade responder com o nome completo, RG, CPF e endereço com CEP dos competidores amadores 1 que desejam passar para a categoria profissional;

2) Preencher o nome completo, RG e CPF do sócio gerente da empresa;

3) Assinatura do sócio gerente na declaração;

4) Reconhecer firma da assinatura do sócio gerente na Declaração de responsabilidade sobre o competidor profissional;

5) Anexar uma cópia do cartão de CNPJ da empresa à Declaração de responsabilidade sobre o competidor profissional;

6) Enviar por e-mail para esporte@cbsk.com.br um breve currículo do skatista interessado constando as principais colocações em competições, aparecimento em revistas, vídeos e sites em 2009 e 2010;

7) Remeter a declaração preenchida junto com a cópia do cartão de CNPJ da empresa para o seguinte endereço:
Confederação Brasileira de Skate
Rua dos Caetés, 626
Perdizes
São Paulo - SP
CEP: 05016-081.

Logo que esta declaração e o currículo chegarem serão analisadas pelo Comitê dos competidores profissionais da respectiva modalidade.
Ricardinho Tossi, após boa participação no Red Bull Sk8 Generation, também pediu para profissionalizar-se em 2011 - Foto - Petrônio Vilella
Os comitês dos competidores atualmente estão formados da seguinte maneira:
Downhill Slide: José Carlos Birinha, Juliano Lilica, Willians Indião e Zequinha Rapanelli;
Downhill Speed: André Camarão, Fábio Guimarães, Ivandro Mano, Jorge Galasso e Pedro Medula;
Freestyle: Alexandre Brownzinho, Paulo Folha, René Shigueto e Rogério Antigo;
Slalom: Fábio Derys, Fernando Camargo, Guto Jimenez, Renato Serra e Willians Indião;
Street: Biano Bianchin, Marcelo Marreco, Márcio Tarobinha e Wagner Ramos;
Vertical: Edgard Vovô, Geninho Amaral e Lécio Neguinho.

O comitê terá poder de aceitação ou veto dos pedidos de passagem da categoria amador 1 para profissional conforme norma estabelecida.

O download da Declaração de responsabilidade sobre o competidor profissional está no site http://www.cbsk.com.br/ na reportagem "Profissinalização 2011".

Mais informações com esporte@cbsk.com.br ou pelo fone (11) 8128-3278.

Por Confederação Brasileira de Skate